31 março 2014

Resenha Crítica: "The Mummy Returns"

 Depois do sucesso considerável de bilheteira de "The Mummy", Stephen Sommers logo começou a desenvolver uma sequela para um dos maiores êxitos da sua carreira, contando com os regressos de Brendan Fraser e Rachel Weisz, a dupla de protagonistas do primeiro filme, mas também os secundários John Hannah, Oded Fehr, Arnald Vosloo e Patricia Velásquez. Intitulada "The Mummy Returns", a sequela consegue recuperar em parte os elementos positivos de "The Mummy", um filme muito marcado por uma mescla de acção, aventura, humor e terror, embora caia nos exageros das continuações de adensar os elementos que resultaram anteriormente (neste caso, a acção e o CGI em doses excessivas, algo que acaba por revelar algumas das limitações dos efeitos especiais do filme). Temos assim uma obra marcada por um ritmo mais frenético, menos dedicada a apresentar os personagens - na maioria já estabelecidos no filme anterior - e introduzindo um filho no meio da relação de Rick e Evelyn (uma medida a fazer recordar a saga "The Thin Man"), algo que contribui para uma interessante dinâmica familiar, mas também para alguns momentos demasiado infantis devido à extrema necessidade de Stephen Sommers e companhia em quererem colocar o petiz em destaque, algo que nem sempre resulta, com "The Mummy Returns" a parecer muitas das vezes incapaz de balançar um suposto tom mais negro, com a procura em infantilizar o filme, querendo chegar a um público alargado mas falhando em criar algo de coeso. O que não impede o filme de, tal como em "The Mummy" ser um agradável pedaço de entretenimento que raramente pede para ser levado totalmente a sério e captura algum do "espírito" dos filmes de "Indiana Jones", sendo um objecto cinematográfico cada vez mais raro de se ver nos dias de hoje, remetendo para a história e mitologia do Antigo Egipto e para a cidade de Londres nos anos 30. A estrutura narrativa é muito semelhante ao primeiro filme, não faltando um emotivo prólogo, cujo enredo se desenrola em 3067 AC, apresentando-nos a história do Rei Escorpião (interpretado por um estreante Dwayne "The Rock" Johnson), com este e os seus homens a serem exilados no deserto de Ahm Sher, após serem derrotados no ambicioso desideratos de conquistarem o Mundo. O Rei Escorpião fica a vaguear no deserto, até vender a sua alma a Anúbis, liderando o exército deste Deus e esperando até voltar a ser acordado por aquele que possuir a Bracelete de Anúbis.

A narrativa logo avança para 1933, onde o casal caçador de tesouros, Evelyn (Rachel Weisz), Rick O'Connell (Brendan Fraser) e o filho de ambos, Alex, se encontram em Tebas, no interior de uma estrutura mortuária, onde encontram a Bracelete de Anubis. No interior do edifício encontram-se também elementos de um culto egípcio, liderado por Baltus Hafez, o curador do Museu Britânico, que pretende ressuscitar Imhotep (Arnold Vosloo), a múmia do primeiro filme, entre os quais, Lock-Nah (Adewale Akinnuoye-Agbaje) e Meela Nais (Patricia Velásquez), esta última a reencarnação de Anck-su-namun, a amada do personagem interpretado por Vosloo. Evelyn, Rick e Alex transportam a Bracelete para Londres, onde têm de lidar com os elementos do grupo que logo raptam Alex. Perante o rapto do filho e a possibilidade do exército de Anúbis ficar sob o comando de Imhotep, Evelyn e Rick terão de correr contra o tempo para salvar o rebento, contando com o apoio de Jonathan, Ardeth Bay e Izzy, um mercenário que trabalhou anteriormente com Rick, que aluga o o seu dirigível em troca de um ceptro de ouro. Por sua vez, Alex procura a todo o custo fugir de Imhotep e os seus homens, enquanto este se prepara para o confronto com o Rei Escorpião, e Evelyn continua a ser afectada por memórias de um suposto passado em comum com o antagonista. Embora a sua história nem sempre faça sentido e a acção se sobreponha em excesso ao desenvolvimento dos personagens que pouco evoluem em relação a "The Mummy", "The Mummy Returns" revela-se um filme de acção e aventura emotivo, marcado por uma procura em explorar a mitologia do Antigo Egipto, as suas maldições e tradições, os grandiosos cenários (veja-se o deserto, as pirâmides e até a casa dos protagonistas) e um regressar da maioria dos personagens do filme original. É neste regressar dos personagens que reside muito do que resulta em "The Mummy Returns", com Rachel Weisz e Brendan Fraser a mostrarem um dinâmica convincente, John Hannah a continuar a ser um dos alívios cómicos, juntando-se ainda um fugaz Dwayne Johnson como o Rei Escorpião, cuja aparição no último terço mostram o quão datados se encontram estes efeitos de...2001. Com uma emotiva banda-sonora, algumas cenas de acção bem executadas, muita aventura, algum humor e muitos anacronismos, "The Mummy Returns" não alcança o nível do seu antecessor, mas nem por isso se deixa de proporcionar duas horas de entretenimento, onde nem o seu argumento pouco coeso e o CGI nem sempre convincente tornam a obra incapaz de gerar interesse.

Título original: "The Mummy Returns".
Título em Portugal: "O Regresso da Múmia".
Realizador: Stephen Sommers.
Argumento: Stephen Sommers.
Elenco: Brendan Fraser, Rachel Weisz, John Hannah, Arnold Vosloo, Oded Fehr, Patricia Velásquez, Dwayne Johnson.

Vem aí um novo filme da saga "Pantera Cor de Rosa"

A MGM anunciou (via Deadline) que se encontra a desenvolver um novo filme da saga "Pantera Cor de Rosa". O foco do filme vai ser a personagem criada por Friz Freleng e David De Patie, ao contrário do que acontecia nas obras de Blake Edwards, onde o Inspector Clouseau era o grande destaque. O filme vai ser realizado por David Silverman ("Monsters Inc.").

O enredo do filme ainda não é conhecido. Ao todo foram elaborados onze filmes da saga "The Pink Panther", para além de vários desenho animados e curtas de animação. Walter Mirisch (produtor executivo dos filmes originais) e Julie Andrews (viúva de Blake Edwards) assumem a produção.

A produção ainda não conta com um cronograma definido. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema


Sheldon Turner contratado como argumentista de "Splinter Cell"

O Deadline noticiou que Sheldon Turner ("Everest") foi contratado para escrever uma nova versão do argumento de "Splinter Cell", a adaptação cinematográfica da saga de jogos "Tom Clancy´s Splinter Cell". O argumento inicial foi escrito por Eric Singer ("The International"). "Splinter Cell" vai ser realizado por Doug Liman ("Bourne Identity") e protagonizado por Tom Hardy ("The Dark Knight Rises").

O primeiro jogo da saga "Tom Clancy´s Splinter Cell" foi lançado em 2002 pela Ubisoft. O jogo centra-se em Sam Fisher, um agente secreto que fora designado para uma missão secreta por parte da Third Echelon, uma divisão secreta da NSA que presta serviços de monitoramento para o governo americano. O jogo foi um sucesso tremendo e teve direito a várias sequelas, entre as quais, "Tom Clancy's Splinter Cell: Pandora Tomorrow" (2004), "Tom Clancy's Splinter Cell: Chaos Theory" (2005), "Tom Clancy's Splinter Cell: Essentials" (2006), "Tom Clancy's Splinter Cell: Double Agent" (2006), "Tom Clancy's Splinter Cell: Conviction" (2010), "Tom Clancy's Splinter Cell 3D" (2011), "Tom Clancy's Splinter Cell: Blacklist" (2013).

O projecto ainda não conta com um cronograma definido. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema.

John C.Reilly, Ashley Jensen, Michael Smiley e Jessica Barden no elenco de "The Lobster"

O elenco de "The Lobster" recebeu várias adições. John C.Reilly ("Guardians of the Galaxy"), Ashley Jensen ("The Escape Artist"), Michael Smiley ("A Field in England") e Jessica Barden (“Tamara Drewe”) vão juntar-se a Colin Farrell, Rachel Weisz, Ben Whishaw, Léa Seydoux, Olivia Colman, Ariane Labed e Aggeliki Papoulia no elenco de "The Lobster", o primeiro filme falado em inglês do realizador grego Yorgos Lanthimos ("Canino").

O enredo de "The Lobster" desenrola-se num futuro distópico onde os seres humanos solteiros são obrigados a cumprir as regras de "A Cidade", sendo transferidos para "O Hotel", um local no qual são obrigados a encontrar companhia no prazo de 45 dias. No caso de fracassarem no cumprimento deste objectivo, os habitantes do "Hotel" são transformados numa espécie de animal à sua escolha e lançados para o "Bosque", onde "Os Solitários" vivem e se apaixonam, embora seja contra as regras. 

"The Lobster" ainda não tem uma data de estreia definida. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Fonte: The Playlist.

Sion Sono vai realizar a adaptação de "Shinjuku Swan"

O Twitch noticiou que Sion Sono ("Cold Fish") vai realizar a adaptação cinematográfica da manga "Shinjuku Swan". O filme vai contar no elenco com Go Ayano, Sawajiri Erika, Yamada Takayuki, Iseya Yusuke, entre outros.

A mesma fonte adianta que o enredo do filme vai centrar-se num jovem desempregado que é atirado para o interior do perigoso mundo do entretenimento. A manga conta com a seguinte descrição: Shiratori Tatsuhiko trabalha como observador para a Burst, uma agência de talentos localizada em Kabukichō. Tatsuhiko está num negócio onde o dinheiro significa tudo, encontrando-se perante uma luta constante contra os observadores rivais e elementos da yakuza.

As filmagens começam no próximo mês. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Cameron Diaz e Leslie Mann no novo clip de "The Other Woman"

Foi divulgado um novo trecho de "The Other Woman". O clip centra-se numa cena protagonizada pelas personagens interpretadas por Cameron Diaz e Leslie Mann.

"The Other Woman" é realizado por Nick Cassavetes ("The Notebook"), através do argumento de Melissa Stack ("I Want To F--- Your Sister"). O filme conta no elenco com Kate Upton ("Tower Heist"), Leslie Mann ("This Is 40"), Nikolaj Coster-Waldau ("Mama") e Cameron Diaz ("Gambit").

O enredo de "The Other Woman" centra-se numa mulher que descobre ser a amante (Diaz) de um homem casado. Esta decide vingar-se do parceiro ao formar equipa com uma aliada inesperada... a mulher do namorado. Mann vai interpretar a mulher do homem casado, enquanto Coster-Waldau  vai dar vida ao marido infiel. Upton interpreta uma das amantes do personagem de Coster-Waldau.

 "The Other Woman" estreia a 25 de Abril de 2014 nos EUA. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Novas imagens e clip de "Joe"

Foram divulgadas várias novas imagens e um novo clip da adaptação cinematográfica de "Joe", um livro escrito por Larry Brown. Imagens via The Playlist.

O filme é realizado por David Gordon Green ("Prince Avalance"), através do argumento de Gary Hawkins. "Joe" conta no elenco com Tye Sheridan ("The Tree of Life"), Nicolas Cage ("Stolen"), Ronnie Gene Blevins, Sue Rock, entre outros.

O enredo de "Joe" centra-se em Joe Ransom (Cage) num antigo condenado que surpreendentemente torna-se num exemplo para Gary Jones, um adolescente (Sheridan) com quinze anos de idade, que conta com uma família problemática. Perante tais adversidades, o ex-condenado e Gary procuram encontrar um caminho para a redenção, enquanto esperam alcançar uma vida melhor numa pequena cidade do Mississippi.

"Joe" estreia a 11 de Abril de 2014 nos EUA. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema






















"Dawn of the Planet of the Apes" ganha um novo poster

Foi divulgado mais um poster de "Dawn of the Planet of the Apes", a sequela de "Rise of the Planet of the Apes". Poster via CS. O filme é realizado por Matt Reeves ("Cloverfield"). O argumento de "Dawn of the Planet of the Apes" foi escrito por Rick Jaffa e Amanda Silver (dupla do primeiro filme), tendo sido rescrito por Scott Z. Burns ("Contagion") e Mark Bomback ("The Wolverine").

"Dawn of the Planet of the Apes" conta no elenco com Judy Greer, Keri Russell, Gary Oldman, Kodi Smit-McPhee, Jason Clarke, Andy Serkis, Toby Kebell ("Prince of Persia: The Sands of Time") e Enrique Murciano ("Without a Trace").

Sinopse (via Omelete): "Uma nação crescente de macacos geneticamente evoluídos, liderada por César, é ameaçada por um grupo de humanos sobreviventes do devastador vírus que se espalhou há uma década. Estes alcançam uma paz frágil, que se prova efémera à medida em que ambos os lados chegam à beira de uma guerra pelo domínio da Terra."

"Dawn of the Planet of the Apes" estreia a 11 de Julho de 2014, nas salas de cinema norte-americanas. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Primeiro TV Spot de "X-Men: Days of Future Past"

Já se encontra on-line o primeiro TV Spot de "X-Men: Days of Future Past". X-Men: Days of Future Past" é realizado por Bryan Singer ("X-Men" e "X2), através do argumento de Simon Kinberg ("X-Men: The Last Stand"). O filme conta no elenco com Ian McKellen, Patrick Stewart, Michael Fassbender, James McAvoy, Nicholas Hoult, Jennifer Lawrence, Hugh Jackman, Ellen Page, Shawn Ashmore, Peter Dinklage, Omar Sy, Halle Berry, Daniel Cudmore, Fan Bingbing, Evan Peters.

"X-Men: Days of Future Past" é baseado no arco "Days of Future Past", da autoria de Chris Claremont e John Byrne. O filme tem a seguinte sinopse (via Sapo): O último grupo dos X-Men vai entrar numa guerra pela sobrevivência das espécies em dois períodos de tempo distintos, em “X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido”. As tão amadas personagens da trilogia original do filme "X-Men" vão unir forças e enviar Wolverine ao passado para alterar um acontecimento histórico, que poderá ter um importante impacto em humanos e mutantes.

"X-Men: Days of Future Past" estreia em Portugal a 22 de Maio de 2014, contando com o título "X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido". Siga o Rick´s Cinema no Facebook em: http://www.facebook.com/RicksCinema


"Spidey's Epic Free Fall" - Novo clip de "The Amazing Spider-Man 2"

Foi divulgado mais um clip de "The Amazing Spider-Man 2". O clip tem o título "Spidey's Epic Free Fall" e pode ser visto no final do post. A sequela de "The Amazing Spider-Man" é realizada por Marc Webb, através do argumento de Alex Kurtzman e Roberto Orci ("Star Trek"). O filme conta no elenco com Andrew Garfield, Emma Stone, Felicity Jones, Jamie Foxx, Dane DeHaan, Paul Giamatti, Colm Feore e Chris Cooper.

Em "The Amazing Spider-Man 2", a vida Peter Parker (Andrew Garfield) anda atarefada – entre enfrentar os malfeitores como Spider-Man e passar tempo com a pessoa que este ama, Gwen (Emma Stone) - o final do ensino secundário nunca pareceu tão distante. Peter não esqueceu a promessa que fez ao pai de Gwen, de que a protegeria ao manter-se afastado da amada, mas esta é uma promessa que o protagonista simplesmente não consegue cumprir. Tudo muda para o herói, quando Electro (Jamie Foxx) emerge, o velho amigo Harry Osborn (Dane DeHaan) regressa e Peter descobre novas pistas sobre o seu passado.

"The Amazing Spider-Man" tem estreia marcada para o dia 2 de Maio de 2014. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Bradley Cooper e Jennifer Lawrence nas novas imagens de "Serena"

Foram divulgadas várias imagens da adaptação cinematográfica de "Serena", um filme protagonizado por Bradley Cooper e Jennifer Lawrence. Imagens via The Playlist.

O enredo de "Serena" é inspirado no livro "Serena: A Novel", da autoria de Ron Rash. A história desenrola-se em 1929, e acompanha George e Serena Pemberton, um casal recém-casado que sai do ambiente cosmopolita de Boston, para as montanhas da Carolina do Norte, tendo em vista o inicio de um negócio no ramo da madeira. George já tinha vivido no campo, onde teve um filho ilegítimo, com outra mulher. Serena, por sua vez, é nova na vida campestre e prova ser tão competente nas funções, como qualquer homem, a ponto de salvar a vida do marido, num acidente que este teve. No entanto, ao descobrir que é estéril, Serena perda a calma e fica determinada a matar o filho que George teve com outra mulher.

"Serena" é realizado por Susanne Bier ("In a Better World"), através do argumento de Chris Kyle. O filme conta no elenco com Bradley Cooper ("The A-Team") e Jennifer Lawrence ("The Hunger Games"), Rhys Ifans ("The Amazing Spider-Man") e Toby Jones ("Captain America: The First Avenger").

O filme ainda não tem uma data de estreia definida. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema













"Sin City: A Dame to Kill For" - Oito novas imagens do filme

O The Playlist divulgou oito novas imagens de "Sin City: A Dame To Kill For". O filme é realizado por Robert Rodriguez e Frank Miller, através do argumento dos próprios e William Monahan ("London Boulevard"). "Sin City: A Dame to Kill For" conta no elenco com Mickey Rourke, Rosario Dawson, Jamie Chung, Jessica Alba, Jaime King, Crystal McCahill, Joseph Gordon-Levitt, Chris Meloni, Josh Brolin, Juno Temple, Ray Liotta Jeremy Piven, Julia Garner, entre outros.

 "Sin City: A Dame to Kill For" apresenta-nos a três histórias distintas. Uma destas é do conhecimento geral dos fãs da graphic novel, "A Dame to Kill For". "Sin City" foi um grande êxito de bilheteira, tendo alcançado 158,8 milhões de dólares, em receitas de bilheteira ao redor do Mundo, tendo superado largamente o seu orçamento de 40 milhões de dólares.

O filme estreia a 22 de Agosto de 2014 nos EUA. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema








Primeiro TV Spot de "Dawn of the Planet of the Apes"

Foi divulgado o primeiro TV Spot de "Dawn of the Planet of the Apes", a sequela de "Rise of the Planet of the Apes". O filme é realizado por Matt Reeves ("Cloverfield"). O argumento de "Dawn of the Planet of the Apes" foi escrito por Rick Jaffa e Amanda Silver (dupla do primeiro filme), tendo sido rescrito por Scott Z. Burns ("Contagion") e Mark Bomback ("The Wolverine").

"Dawn of the Planet of the Apes" conta no elenco com Judy Greer, Keri Russell, Gary Oldman, Kodi Smit-McPhee, Jason Clarke, Andy Serkis, Toby Kebell ("Prince of Persia: The Sands of Time") e Enrique Murciano ("Without a Trace").

Sinopse (via Omelete): "Uma nação crescente de macacos geneticamente evoluídos, liderada por César, é ameaçada por um grupo de humanos sobreviventes do devastador vírus que se espalhou há uma década. Estes alcançam uma paz frágil, que se prova efémera à medida em que ambos os lados chegam à beira de uma guerra pelo domínio da Terra."

"Dawn of the Planet of the Apes" estreia a 11 de Julho de 2014, nas salas de cinema norte-americanas. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

FESTin 2014 - Conheça a programação

 É já no próximo dia 2 de Abril que começa a quinta edição do FESTin (Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa), um festival de cinema que procura "fomentar a interculturalidade, a inclusão social e o intercâmbio cultural nos países de língua portuguesa". O festival é produzido pela Padrão Atual/ ASCULP  Associação Cultura e Cidadania de Língua Portuguesa, em coprodução com o Cinema São Jorge e a EGEAC-CML, tendo nascido em 2010 com o objectivo de "celebrar e fortalecer a cultura lusófona através do cinema, num ambiente de partilha, intercâmbio e inclusão social". A nova edição surge com uma programação bem mais sólida do que em 2013, contando com a exibição de 73 filmes oriundos de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e Portugal. Estas obras encontram-se divididas em nove mostras, entre as quais, a estreante "Mostra Democracia e Ditadura", onde é pretendida efectuar uma "homenagem aos 40 anos da Revolução dos Cravos" e abordar questões relacionadas com a ditadura no Brasil. Temos ainda secções habituais do FESTin, tais como a "Competição de Longas-Metragens", "Competição de Curtas-Metragens", entre outras. Entre as longas em competição, vale a pena realçar "Serra Pelada", um filme realizado por Heitor Dhalia (após o desastre da sua estreia nos EUA), que abre o certame e tem dividido a crítica canarinha, embora tenha elementos bastante promissores, entre os quais o seu elenco onde constam nomes como Juliano Cazarré, Júlio Andrade, Sophie Charlotte e Wagner Moura.O filme tem como base a célebre corrida ao ouro em "Serra Pelada", tendo como protagonistas Juliano e Joaquim, dois amigos que no início dos anos 80 procuram enriquecer nesta actividade. Pelo caminho, a amizade entre ambos é colocada em perigo, com Juliano a procurar ascender a nível de poder, tornando-se num gangster ambicioso, enquanto o amigo "apenas" pretende enriquecer e assim dar estabilidade há sua filha.

 Ainda na competição das longas-metragens da edição de 2014 do FESTin encontramos "Pecado Fatal", um filme português realizado por Luís Diogo, contando no elenco com Sara Barros Leitão, Miguel Meira e João Guimarães, mas também obras como "A Memória que me contam" de Lúcia Murat (também na Mostra Democracia e Ditadura), "Cores" de Francisco Garcia, "Elena" de Petra Costa (também na Mostra Democracia e Ditadura), "Impunidades Criminosas" de Sol de Carvalho, "Menos que Nada" de Carlos Gerbase, "O Destinado" de Henrique Narciso, "O Espinho da Rosa" de Filipe Henriques (co-produção entre Portugal e Guiné-Bissau), "Vazio Coração" de Alberto Araújo. Fora da competição, mas nem por isso menos promissoras, encontramos algumas obras cinematográficas brasileiras em "Mostra de Cinema Brasileiro '14". No campo das longas encontramos "Dossiê Jango" de Paulo Henrique Fontenelle, um documentário que "traz à tona o período em que o ex-presidente João Goulart viveu no exílio e as circunstâncias de sua morte"; "Hércules 56" de Sílvio Da-Rin; "Insônia" de Beto Sousa, que conta no elenco com Lara Rodrigues, Luana Piovani, Daniel Kuzniecka, Nicolas Condito, entre outros; o filme de animação "Rio 2096 – Uma história de amor e fúria" de Luís Bolognesi; "Vai que dá Certo" de Maurício Farias; "Vendo ou Alugo" de Betse de Paula. No caso de "Vendo ou Alugo" (na imagem) estamos perante o filme de encerramento da sétima edição do FESTin, uma comédia que venceu 12 prémios no Cine PE - Festival do Audiovisual. O filme conta no elenco com Marieta Severo, Marcos Palmeira, Nathalia Timberg, Silvia Buarque, Beatriz Morgana, Maria Assunção, entre outros. Nesta mostra, contamos ainda com a exibição de oito curtas-metragens, nomeadamente, "Antes de Palavras" de Diego Carvalho Sá, "Assim" de Keila Serruya, "Muros Entre Nós" de Chico Toledo, "O Boneco de Neve" de Diego Müller, "O Tempo que Leva" de Cíntia Domit Bittar, "O Vendedor de Coisas" de Deleon Souto, "Os Lados da Rua" de Diego Zon, "Sombras do Tempo" de Edson Ferreira. Ainda no âmbito das curtas, vamos ter uma secção competitiva dedicada às mesmas, com estas a serem inseridas em quatro blocos distintos.

 Ainda no campo competitivo encontramos a secção "Maratona de Documentários", que conta entre os jurados com o grande Roni Nunes do C7nema, Paulo Portugal e José António Ricardo. Entre as longas-metragens exibidas vamos ter "Arte de interpretar – A saga da novela Roque Santeiro" (na imagem) de Lúcia Abreu, uma das obras que mais curiosidade promete despertar devido à popularidade da novela e Regina Duarte ser uma das convidadas do FESTin. O documentário revela "a saga da novela Roque Santeiro, desde a sua primeira versão, censurada em 1975, até o grande sucesso ocorrido em 1985, mostrando os bastidores, a história não contada". Temos ainda a exibição de "Azul Alvim" de José Paulo Valente, um documentário que homenageia o músico Fernando Alvim; "Cidade de Deus, 10 anos depois" de Cavi Borges e Luciano Vidigal; "De Armas e Bagagens" de Ana Delgado Martins; "De Volta" de Rafael Figueiredo; "Outro Sertão" de Adriana Jacobsen e Soraia Vilela; "Repare Bem" de Maria de Medeiros. Entre as novidades da quinta edição do FESTin encontra-se a Mostra Democracia e Ditadura, uma das mais promissoras do certame. Nesta secção encontramos "As Memórias Não se Apagam", um documentário realizado pelo crítico de cinema José Vieira Mendes, feito especialmente para marcar os 40 anos da Revolução dos Cravos em Portugal e os 50 anos do Golpe de 64, no Brasil. Esta é a única obra a ser exibida em exclusivo nesta Mostra. Veja-se que "As Memórias que me Contam" e "Elena" se encontram nas longas em competição, por sua vez "De Armas e Bagagens" e "Repare Bem" estão inseridos na Maratona de Documentários, enquanto que "Dossiê Jango" e "Hércules 56" estão na Mostra Brasileira de Longas. Outra das novidades da edição de 2014 do FESTin centra-se no país convidado, nomeadamente, a França, visto que é a primeira vez que este evento conta com uma nação não-lusófona como convidada. A justificação para esta escolha centra-se na ligação cultural e afectiva com o universo lusófono, com a esta secção a contar com o apoio do Institut Français Portugal, da Aliança Francesa e da Rádio França Internacional. Entre os destaques desta secção encontra-se o documentário "Cesária Évora - Morna Blues" de Éric Mulet e Anaïs Prosaïc, sendo ainda de destacar "Hóspedes da Noite" e "O Grande Bazar", duas obras cinematográficas de Licínio de Azevedo.

A programação do FESTin não se fica por aqui, com o festival a contar ainda com as mostras de "Inclusão Social", "Infantojuvenil", a "Homenagem a Cabo Verde", entre outras. Na homenagem a Cabo Verde encontramos a exibição da obra "O Testamento do Senhor Napumoceno", um filme realizado por Francisco Manso, que conta no elenco com Nelson Xavier, Maria Ceiça, Chico Diaz, Karla Leal, Zezé Motta, Via Negromonte, Francisco Assis, Milton Gonçalves e Camacho Costa, entre outros. Vale ainda a pena realçar "Cova da Moura Portugal ou Cabo Verde", um documentário que tem como tema central a condição social cabo-verdiana em Cova da Moura, um bairro da grande Lisboa cuja população é maioritariamente composta por imigrantes. A programação do FESTin não se faz apenas de filmes, veja-se desde logo as célebres "Mesas Redondas", onde teremos em discussão: "Francofonia/Lusofonia no cinema" e "Democracia e Ditadura". Como se pode verificar, a programação do FESTin surge bastante diversificada e com um conjunto de obras que despertam alguma curiosidade e prometem ser raras de ver numa sala de cinema (em circuito comercial) em Portugal. Nesse sentido é bastante relevante encontrarmos um festival que procura reunir obras de vários países de língua portuguesa, sendo ainda um dos poucos eventos que dá alguma merecida atenção ao cinema brasileiro. A quinta edição do FESTin decorre de 2 a 9 de Abril e terá a cobertura deste espaço através deste incauto blogger. Os bilhetes para o festival estarão à venda na bilheteira do Cinema São Jorge a partir do dia 1 de abril e têm um custo de 3,00 € (bilhete normal); 2,50 € (até 25 anos e maiores de 65 anos:); 1,50 € (Maratona de documentários por sessão; estudantes; grupos de mais de 10 pessoas – por pessoa); 5,00 € (Maratona de documentários – todas as sessões).

Mais informações sobre a programação da quinta edição do FESTin em: http://festin-festival.com/?page_id=3247