23 outubro 2014

Lisbon & Estoril Film Festival 2014 - Breve apresentação da programação

 O dia 7 de Novembro de 2014 marca o início da oitava edição do Lisbon & Estoril Film Festival, um festival cuja programação se apresenta mais uma vez fortíssima nas antestreias, bem como nas retrospectivas, actividades paralelas e convidados. Entre os convidados encontram-se John Malkovich e Maria de Medeiros, dois dos homenageados do Festival, para além de nomes sonantes como Abel Ferrara, Joshua e Ben Safdie, Kléber Mendonça Filho, Bruno Dumont, Jean-Pierre e Luc Dardenne, Philippe Garrel, Stephen Frears, Nina Hoss, Sabine Azéma, entre muitos outros. São diversos nomes com algum currículo e prestigio que, a confirmar-se as suas presenças, permitirão enriquecer e muito o certame. Na conferência de imprensa foi pedido o apoio da imprensa e realçado o seu papel na divulgação do Festival. Deste lado (imprensa online ou algo que se pareça), com maiores ou menores dificuldades a nível da visualização dos filmes, esperamos conseguir cobrir mais esta edição do Lisbon & Estoril Film Festival, algo que já aconteceu em edições anteriores, e ajudar a divulgar o festival, sempre mantendo um tom próprio. Comecemos então a abordar os filmes que vão estar em exibição na edição de 2014 do Lisbon & Estoril Film Festival. A programação a nível da Selecção Oficial volta a dividir-se em duas secções: Em Competição e Fora de Competição. Nestes dois espaços podemos encontrar algumas das obras cinematográficas mais recentes, que têm efectuado percursos bastante interessantes pelos festivais de cinema internacionais, algo que nos conduz a abordar brevemente as mesmas.

 O primeiro destaque da secção "Em Competição" vai para "Hill of Freedom", o novo filme do prestigiado Hong Sang-soo. O filme já passou pelos festivais de Veneza, Toronto e Vancouver, tendo estreado a 4 de Setembro de 2014 no seu país de origem. Este será certamente um dos filmes que não queremos perder da secção, embora também fosse interessante a exibição de "Our Sunhi" do mesmo cineasta, uma obra que continua por exibir em Portugal. O segundo destaque vai para "Phoenix", realizado por Christian Petzold e protagonizado por Nina Hoss, repetindo-se a parceria de obras como "Barbara". Nesta secção encontramos ainda "Silvered Water" de Ossama Mohammed e Wiam Simav Bedirxan, uma obra que tem vindo a coleccionar críticas positivas. Temos ainda "Jauja", o novo filme de Lisandro Alonso, "Heaven Knows What" de Ben e John Safdie, bem como "Queen and Country" do veterano John Boorman, entre outras obras cinematográficas. Fora da secção competitiva encontramos aquelas que provavelmente serão as obras mais sonantes para o grande público. Encontramos desde logo "Winter Sleep", o vencedor da Palma de Ouro do Festival de Cannes de 2014, uma obra realizada por Nuri Bilge Ceylan, para além do muito esperado "Black Coal, Thin Ice", o vencedor do Urso de Ouro da 64ª edição da Berlinale. Realizado por Yi'nan Diao, "Black Coal, Thin Ice", a par de "Hill of Freedom" promete representar e bem o cinema asiático neste festival, desta vez ausente nas retrospectivas (nos anos anteriores encontrámos retrospectivas dedicadas a nomes como Hou Hsiao-hsien e Wong Kar-wai, este ano seria de esperar a mesma aposta). Os destaques desta secção não se ficam por aqui. Veja-se a exibição de "Welcome to New York" e "Pasolini", os dois novos filmes realizados por Abel Ferrara, bem como "Maps to the Stars" de David Cronenberg, para além dos elogiados "Mommy" de Xavier Dolan e "Le Meraviglie" de Alice Rohrwacher.

 Ainda na secção "Fora de Competição" encontramos "Deux Jours, Une nuit", o novo filme dos irmãos Dardenne, uma obra que conta com Marion Cotillard como protagonista. É também nesta secção que vamos poder confirmar se Thimoty Spall é mesmo um candidato a estar nomeado para grandes prémios pelo seu papel em "Mr. Turner", o novo filme de Mike Leigh, para além de podermos ver "Miss Julie" de Liv Ullmann, "The Disappearance of Eleanor Rigby (Them)" de Ned Benson, bem como "Dumb and Dumber To", a continuação de "Dumb and Dumber". Confessamos que ao avaliarmos a restante programação esta escolha revela-se algo surpreendente, embora estejamos curiosos para saber se "Dumb and Dumber To" repete o sucesso do seu antecessor. Fora destas duas secções mais mediáticas vamos encontrar as homenagens a John Malkovich e Maria de Medeiros, algo que vai permitir a exibição de várias obras dos mesmos, para além das retrospectivas dedicadas a Kléber Mendonça Filho, Philippe Garrel, Tariq Téguia, Gonzalo Garcia Pelayo, Marlen Khutsiev e Andrzej Żuławski. A lista de homenageados é marcada pela diversidade, embora aproveitemos para destacar os nomes de Marlen Khutsiev e Tariq Téguia. Khutsiev conta no seu currículo com obras fundamentais como "Spring on Zarechnaya Street", " The Two Fedors" e "I Am Twenty", que serão exibidas no LEFF, bem como "July Rain", "It Was in May", "Epilogue" e "Infinitas". Já a retrospectiva a Tariq Téguia permite-nos algo raro: contactar de perto com um pouco do que é feito no cinema argelino. É um nome que estou com curiosidade em descobrir, descrito da seguinte forma no site do festival "Pela obra de Téguia passam olhares críticos sobre a Argélia do presente, cruzando-se ali também heranças da história árabe e ainda o impacto do fundamentalismo naquela zona do globo".

 A programação cinematográfica não fica por aqui. A edição de 2014 do Lisbon & Estoril Film Festival vai apresentar um pequeno ciclo dedicado à relação do cinema com a matemática, onde vão ser exibidos "Comment j’ai detesté les maths", de Olivier Peyron, bem como "Théorie des ensembles" de Chris Marker. O festival receberá a presença do matemático francês Cédric Villani, que no ano 2010 recebeu a Medalha Fields, muitas vezes descrita como o “Nobel da Matemática”. Uma das secções que nos chamou particularmente à atenção foi ainda as escolhas de Nan Golding, onde vamos ter a exibição de obras como "Freaks" de Tod Browning, "Imitiation of Life" de Douglas Sirk, "L'armée des ombres" de Jean-Pierre Melville, entre outras. Já chega de filmes? A programação da nova edição do Lisbon & Estoril Film Festival vai contar ainda com uma mini-secção que vai procurar explorar a relação entre o cinema e a moda, aproveitando a exibição de "Saint Laurent", de Betrand Bonello, para o efeito. Neste sentido vão ser efectuadas duas conversas, a primeira das quais decorrendo directamente da exibição do filme de Bonello e da figura que evoca, apresentando-se com o título "De Saint Laurent aos nossos dias". A segunda conversa tem o título "A moda, o cinema e os palcos", pretendendo reflectir a forma como o mundo da alta-costura se relaciona, influencia e é influenciado pelo cinema e pelas artes do espectáculo. Este segundo programa será acompanhado pela exibição do filme "Designing Woman" (1957), de Vincente Minelli, uma obra cinematográfica que conta no elenco com Gregory Peck e Lauren Bacall. Vale a pena realçar que estes acontecimentos ligados ao mundo da moda contarão com a presença de figuras como Bella Freud, Emanuel Ungaro, Felipe Oliveira Baptista, Bay Garnett e Gala Gordon, entre outros. Diga-se que o festival vai contar com vários eventos paralelos à exibição dos filmes. Veja-se desde logo o simpósio internacional, "Ficção e Realidade: Para Além do Big Brother", um evento que vai contar com a participação de Julian Assange, de algumas das pessoas que têm trabalhado com Edward Snowden, do juiz Baltasar Garzón, de Noam Chomsky, do presidente do grupo Prisa, Juan Luis Cebrián, entre muitos outros.

  É nesta procura de conjugar outros elementos para além do cinema que encontramos a peça de teatro "Os Belos Dias de Aranjuez" de Peter Handke, com encenação de Tiago Guedes, para além do concerto de encerramento de Arto Lindsay & Band, entre outros eventos, entre os quais as célebres masterclasses e debates. Por fim, vale a pena salientar a exibição de vários trabalhos televisivos. Entre essas obras elaboradas para a televisão vamos ter a exibição de todos os episódios da série "Crossbones", bem como vários trabalhos de Roberto Rossellini para a TV. Ainda existe muito mais para explorar na programação da edição de 2014 do Lisbon & Estoril Film Festival, que pode ser consultada no seguinte site: Lisbon & Estoril Film Festival. Por aqui ainda estamos a procurar decidir quais os filmes a cobrir, com tudo a estar dependente da concessão da acreditação de imprensa a este(s) blogger(s) e a forma como os bilhetes podem ou não ser levantados (surgindo ainda a dúvida se vão ser feitos visionamentos ou não aos filmes em competição), algo que pode conduzir a alterações de última hora na preparação da cobertura. No entanto, o que parece certo é que entre os dias 7 e 16 de Novembro, a edição de 2014 do Lisbon & Estoril Film Festival prepara-se para nos trazer alguns bons momentos.

Sem comentários: