25 junho 2014

Estreias da semana - 26 de Junho de 2014

Boa-noite, caros leitores, e bem-vindos a mais um post das estreias da semana.

A partir de amanhã, dia 26 de Junho, vamos ter sete novos filmes nas nossas salas de cinema, que faço o obséquio de apresentar individualmente.

O filme sobre o qual irei debitar antes de mais é "Locke", um thriller escrito e realizado por Steven Knight, que tem sido deveras elogiado pela crítica - como o comprovam os 89% do Rotten Tomatoes - e pelo público.

O filme é protagonizado por Tom Hardy, coadjuvado por Tom Holland, Bill Milner, Andrew Scott, Ruth Wilson, Ben Daniels, entre outros.

Sinopse (Sapo): Ivan Locke trabalhou arduamente para conseguir a vida que ambicionava, dedicando-se ao trabalho que gosta e à família que adora. Na véspera do maior desafio da sua carreira, Ivan recebe um telefonema que desencadeia uma série de eventos que irão por em causa a sua família, o trabalho e a sua alma. Com toda a ação a decorrer ao longo de uma viagem de carro, Locke demonstra como uma decisão pode levar ao completo colapso de uma vida.


Trailer





Vai ainda estrear o novo filme da franquia Transformers, "Transformers: Era da Extinção", a obra de ódio obrigatório para qualquer cinéfilo, ou, quem sabe, aquela de que toda a gente gosta, mas ninguém admite. Ouvimos dizer que, desta vez, há transformers com espadas montados em dinossauros voadores, pelo que a coisa promete.

O filme é realizado por Michael Bay (realizador dos três filmes da saga), através do argumento de Ehren Krueger.

"Transformers: Age of Extinction" conta no elenco com Mark Wahlberg, Nicola Peltz, Brenton Thwaites, Jack Reynor, Stanley Tucci, Kelsey Grammer, Sophia Myles, Li Bingbing, entre outros.

Sinopse: Transformers: Era da Extinção tem início após uma épica batalha que deixou uma grande cidade devastada, mas com o mundo a salvo. Enquanto a humanidade recupera, um grupo obscuro revela-se numa tentativa de tomar o controlo da história… enquanto uma antiga e poderosa ameaça coloca a Terra na sua mira. Com a ajuda de um novo elenco de humanos (liderado por Mark Wahlberg), Optimus Prime e os Autobots erguem-se para enfrentar o seu mais terrível desafio. Nesta incrível aventura, terá início uma guerra entre o bem e o mal, que se tornará uma batalha épica à escala mundial.

Trailer





Há ainda a estreia da comédia romântica "Por Falar de Amor", protagonizada por Clive Owen e Juliette Binoche, que não tem sido muito bem recebida pela crítica norte-americana.

A obra foi realizada por Fred Schepisi ("The Russia House"), através do argumento de Gerald DiPego ("Message In a Bottle").

O filme conta no elenco com Clive Owen, Juliette Binoche, Keegan Connor Tracy, Bruce Davison, Adam DiMarco, Janet Kidder, entre outros.

O enredo de "Words and Pictures" acompanha um carismático professor de inglês (Owen) e uma reservada professora de arte (Binoche), que desenvolvem uma inesperada relação.




Trailer




Vamos ter também o francês "Minha Alma Por Ti Liberta", escrito e realizado por François Dupeyron.

O filme conta no elenco com Grégory Gadebois, Céline Sallette, Jean-Pierre Darroussin, Marie Payen, Philippe Rebbot.

Sinopse (Sapo): A mãe de Fredi morreu. Transmitiu-lhe um dom. Ele nem quer falar sobre isso mas é obrigado a reconhecer que as suas mãos têm poderes curativos... De onde surgiu este dom? Não interessa, ele aceita-o...








Trailer





Destaco ainda a estreia de três documentários portugueses, que vão ser exibidos no Espaço Nimas ao longo da próxima semana em dias alternados. Podem ver os dias no poster, aqui à esquerda.

Um dos filmes é "Para Além das Montanhas", realizado por Aya Koretzky.

Sinopse: Submerjo nas paisagens do Mondego para onde vim morar com os meus pais em criança, deixando para trás Tóquio, a cidade onde nasci. Através da leitura de cartas que troquei com os amigos e a família que permaneceram no país, reflito sobre a nossa vinda para Portugal e relembro o passado na tentativa de reter a memória efémera, numa viagem com os espíritos que permanecem comigo.







Outro é "1960", realizado por Rodrigo Areias.

Sinopse: 1960 é um home-movie em registo de diário de viagem em super 8 mm. Pretendendo através da arquitectura e a partir do "Diário de Bordo" de Fernando Távora revisitar a viagem que o Arquitecto concretizou em 1960.



Por fim, teremos "Cativeiro", de André Gil Mata.

Sinopse: Cativeiro é uma condição de confinamento, no espaço e no tempo. O ser cativo não é só e necessariamente um prisioneiro, também se torna próprio daquele lugar, a sua identidade projeta-se continuamente nesse espaço. Por sua vez, o próprio espaço do cativeiro não é inerte, caracteriza-se através de quem está ali contido; é moldado por essa experiência.

Sem comentários: