30 junho 2013

A Semana em Revista - 24 a 30 de Junho de 2013

Desde o início de Janeiro de 2012, que o Rick's Cinema conta nas noites de Domingo com um post da rubrica "A Semana em Revista", algo que consiste num post manhoso onde aproveito para efectuar um balanço do que foi feito pelo Rick´s Cinema ao longo da semana. Nesta rubrica procuramos apresentar alguns dos posts mais relevantes efectuados entre a 2ª Feira e o Domingo de cada semana, neste caso, entre os dias 24 a 30 de Junho de 2013.
  Esta rubrica pretende ser uma forma rápida, fácil e acessível de dar a conhecer o que temos vindo a fazer ao longo da semana, a todos aqueles que não tiveram a oportunidade de ler os posts, aqueles que pretendem reler, ou voltar a ignorar.

O primeiro destaque vai para as cinco críticas publicadas ao longo da semana no Rick's Cinema, entre as quais, a filmes como "Man of Steel", "Breakfast at Tiffany's", "Funny Face", entre outros:
- Resenha Crítica: "Man of Steel" (Homem de Aço)
- Resenha Crítica: "Emperor" (Imperador)
- Resenha Crítica: "Funny Face" (Cinderela em Paris)
- Resenha Crítica: "Breakfast at Tiffany's" (Boneca de Luxo)
- Resenha Crítica: "All The President's Men" (Os Homens do Presidente)

O segundo destaque vai para o post das estreias da semana, onde constam links para críticas, trailers, sinopses, etc:
Estreias da semana - 27 de Junho de 2013

Fiquem agora com as principais notícias da semana:
- Trailer de "Kaze Tachinu"
- Liam Neeson vai receber 20 milhões de dólares para protagonizar "Taken 3"
- Primeiro clip de "Nymphomaniac"
- Novo trailer de "One Direction: This is Us"
- Novo trailer internacional de "Percy Jackson: Sea of Monsters"
- Trailer de "Hell Baby"
- Clip com dois minutos de "Gru - O Maldisposto 2"
- Poster nacional de "Red 2 - Ainda Mais Perigosos"
- Joseph Gordon-Levitt no poster de "Don Jon"
- Michael Fassbender, Javier Bardem, Cameron Diaz e Penélope Cruz nas imagens de "The Counselor"
- Trailer de "Thanks For Sharing"
- "The Conjuring" - Novo trailer 
- Russell Crowe, Emma Watson e Anthony Hopkins nas imagens de "Noah"
- Já há trailer do telefilme da HBO "Clear History", escrito por Larry David
- Duas imagens de "Curse of Chucky"
- Leonardo DiCaprio e Jamie Foxx protagonizam adaptação de "Mean Business on North Ganson Street"
- Sylvester Stallone e Arnold Schwarzenegger no trailer de "Escape Plan"
- Novo filme da saga "Terminator" estreia a 26 de Junho de 2015
- Novo trailer de "Prisoners"

Box Office - 28 a 30 de Junho de 2013 - Monsters University volta a liderar

Boa Noite, caros leitores e leitoras. Já temos disponíveis os resultados do box office norte americano entre os dias 28 a 30 de Junho de 2013. Esta semana, "Monsters University" voltou a superar a concorrência e a manter o primeiro lugar, superando o estreante (e surpreendente) "The Heat" e o flop "White House Down".

"Monsters University" obteve mais 46,1 milhões de dólares em 4004 salas, valores que lhe permitem ter uma receita interna acumulada avaliada em 171 milhões de dólares. O filme realizado por Dan Scanlon conta com 300,3 milhões de dólares em receitas ao redor do Mundo.

 O enredo de "Monsters University" centra-se em Sulley (John Goodman) e Mike Wazowsky (Billy Crystal) nos tempos em que eram apenas estudantes universitários e como se tornaram nos melhores assustadores da Monstros S.A.

Crítica a Monstros: A Universidade: Resenha Crítica: "Monstros: A Universidade" (Universidade Monstros)

Trailer de "Monstros: A Universidade":



O segundo lugar ficou para o surpreendente "The Heat", com Melissa McCarthy a voltar a demonstrar o seu apelo junto do público. O filme obteve 40,1 milhões de dólares em 3,181 salas, valores que lhe permitem praticamente igualar os 43 milhões de dólares do valor do seu orçamento.

"The Heat foi realizado por Paul Feig ("Bridesmaids"), através do argumento original de Katie Dippold ("Parks and Recreation"), posteriormente rescrito por Lee Eisenberg e Gene Stupnitsky ("Bad Teacher"). O filme conta no elenco com Sandra Bullock ("The Blind Side"), Melissa McCarthy ("Bridesmaids"), Tony Hale ("Arrested Development"), Michael Rapaport ("Prison Break"), Kaitlin Olson ("Leap Year"), Taran Killam ("Saturday Night Live"), Dan Bakkedahl ("Daily Show"), Jessica Chaffin ("The United States of Tara"), Jamie Denbo ("Suburgatory"), Demián Bichir ("Machete Kills") e Adam Ray ("2 Broke Girls").

Sinopse de "The Heat" (via Filmspot): A agente do FBI Katerina James (Sandra Bullock) junta-se à detetive Joyce Nelson (Melissa McCarthy, de "A Melhor Despedida de Solteira") da polícia de Boston para capturar um importante líder da máfia russa.

 Trailer de "The Heat":





O terceiro lugar ficou para "World War Z", o novo filme realizado por Marc Foster e protagonizado por Brad Pitt. O filme obteve mais 29,8 milhões de dólares em 3607 salas, contando com uma receita ao redor do Mundo a rondar os 259 milhões de dólares. "World War Z" conta com um orçamento a rondar os 190 milhões de dólares (aos quais devemos juntar os elevados gastos em marketing).

O filme foi realizado por Marc Foster ("Quantum of Solace"), através do argumento de J. Michael Straczynski (série "Babylon 5") e Matthew Michael Carnahan ("The Kingdom"), posteriormente alterado por Drew Goddard ("The Cabin in the Woods") e Christopher McQuarrie ("The Wolverine"). "World War Z" conta no elenco com Brad Pitt, Mireille Enos, Daniella Kertesz, James Badge Dale, Matthew Fox e David Morse.

"World War Z" foi inspirado no livro de Max Brooks, "World War Z: An Oral History of the Zombie War", cujo enredo centra-se nos relatos da guerra que uniu seres humanos de diferentes raças e credos religiosos contra uma legião de seres humanos contaminados, que morreram e ressuscitaram na forma de seres comedores de carnes, ou seja, em zombies. O livro tem como ponto especial de interesse demonstrar como as diferentes populações reagem de maneira distinta aos ataques. O filme tem a seguinte sinopse (via Filmspot): Gerry Lane (Brad Pitt) é o funcionário das Nações Unidas encarregue de percorrer o mundo numa corrida contra o tempo, para descobrir a forma de parar uma pandemia que está a derrubar exércitos e governos e ameaça dizimar a humanidade.

 Crítica a World War Z: Resenha Crítica: "World War Z" (WWZ - Guerra Mundial) 

Trailer de "World War Z":




Vale ainda a pena realçar o quarto lugar de "White House Down", um dos flops deste Verão. O novo filme realizado por Roland Emmerich obteve 25,7 milhões de dólares em 3,222 salas, valores muito distantes dos 150 milhões de dólares do seu orçamento (mais marketing).

Tabela (via Box Office Mojo):


 

Quad de "The Way Way Back"

Foi divulgado um quad de "The Way Way Back", um filme realizado pelos estreantes Jim Rash e Nat Faxon (via IMP Awards). "The Way Way Back" estreia a 5 de Julho de 2013, nas salas de cinema norte-americanas.

"The Way Way Back" é realizado pelos estreantes na realização de longas-metragens, Jim Rash ("Community") e Nat Faxon (argumento de "Bad Teacher"), através do argumento dos próprios. O filme conta no elenco com Steve Carell ("The Incredible Burt Wonderstone"), Toni Collette ("Hitchcock"), Sam Rockwell ("Iron Man 2"), Allison Janney ("The West Wing"), AnnaSophia Robb ("The Carrie Diaries"), Maya Rudolph ("Friends with Kids"), Rob Corddry ("Pain and Gain"), Amanda Peet ("Gulliver's Travels") e Liam James ("The Killing").

O enredo de "The Way, Way Back" acompanha a história de um adolescente (James) durante as férias de Verão. Durante este período de tempo, o jovem terá de lidar com a sua mãe, uma pessoa emocionalmente distante e com o padrasto (Carell), um indivíduo adúltero que colecciona casos extra-conjugais, enquanto forma uma estranha amizade com o gerente de um parque aquático (Rockwell) e o conjunto de desajustados que trabalham no local. Pelo caminho, James desenvolve um interesse amoroso por uma jovem que conhece no local (AnnaSophia Robb).

Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Michael Peña e Djimon Hounsou no elenco de "The Vatican Tapes"

A Lakeshore Entertainment anunciou que Michael Peña, Djimon Hounsou, Dougray Scott, Kathleen Robertson, Peter Andersson, Olivia Dudley, John Patrick Amedori e Alex Sparrow vão integrar o elenco de "The Vatican Tapes". O filme será realizado por Mark Neveldine (co-realizador de "Ghost Rider: Spirit of Vengeance"), através do argumento de Christopher Borrelli.

O enredo de "The Vatican Tapes" centra-se numa série de eventos, que são revelados após a descoberta da gravação de um exorcismo, que correu mal no interior do Vaticano.

As filmagens de "The Vatican Tapes" começam em Julho de 2013. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Kaiju vs. Jaeger no terceiro clip de "Pacific Rim"

O IGN divulgou o terceiro clip de "Pacific Rim" ("Batalha do Pacífico"). O vídeo promocional coloca um robô jaeger contra um kaiju e pode ser visto no final do post. 

 O filme é realizado por Guillermo del Toro ("Hellboy"), através do argumento de Travis Beacham. "Pacific Rim" conta no elenco com Charlie Hunnam, Idris Elba, Charlie Day, Rinko Kikuchi, Max Martini, Willem Dafoe, Robert Kazinsky, Ron Perlman, Clifton Collins Jr e Diego Klattenhoff.

Sinopse: Quando legiões de criaturas monstruosas, conhecidas como Kaiju, começaram a emergir do fundo do mar, iniciou-se uma guerra que tomaria milhões de vidas e consumiria os recursos da Terra durante anos a fio. Para combater os gigantes Kaiju, foi criada uma arma especial: robôs gigantes, chamados de Jaegers, controlados simultaneamente por dois pilotos cujas mentes conectam-se através de uma ponte neural.
  Porém, mesmo os Jaegers provam ser vulneráveis diante dos implacáveis Kaiju. Perante uma derrota iminente, as forças responsáveis pela defesa da humanidade não têm outra escolha a não ser confiarem em dois improváveis heróis - um antigo piloto (Charlie Hunnam) e uma cadete sem experiência (Rinko Kikuchi) - para pilotar um Jaeger lendário no passado mas hoje aparentemente obsoleto. Juntos, estes são a última esperança da humanidade contra o Apocalipse".

"Pacific Rim" estreia a 12 de Julho de 2013, nas salas de cinema norte-americanas. "Pacific Rim" estreia em Portugal a 18 de Julho de 2013, com o título "Batalha do Pacífico". Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema


29 junho 2013

Resenha Crítica: "All The President's Men" (Os Homens do Presidente)

 Inspirado no caso verídico da investigação desenvolvida por Bob Woodward e Carl Bernstein para o Washington Post relacionada com o "caso Watergate", "All The President's Men" é mais um exemplo da elegância e mestria com que Alan J. Pakula realiza as suas obras cinematográficas, onde a investigação a este intrincado e nebuloso caso ganha contornos memoráveis. O caso é sobejamente conhecido do público, tendo causado um enorme escândalo e levado à resignação do Presidente Nixon. A 18 de Junho de 1972, o Washington Post noticiou a ocorrência de um assalto no dia anterior na sede do Comité Nacional do Partido Democrata, no Complexo Watergate. Cinco pessoas foram detidas quando tentavam fotografar documentos e instalar aparelhos de escuta no escritório do Partido Democrata. Durante a investigação ao assalto, os jornalistas Carl Bernstein e Bob Woodward depararam-se com uma conspiração que envolvia muito mais do que um assalto, envolvendo elementos do FBI e da própria administração Nixon, incluindo o Presidente, que tinha conhecimento de um conjunto de gravações que foram efectuadas de forma ilegal contra a oposição. É exactamente nesta investigação de Woodward e Bernstein que se centra a narrativa de "All The President's Men", o último capítulo da trilogia informal da "paranóia política" de Alan J. Pakula.
 Embora já saibamos antecipadamente o desfecho do caso representado ao longo do filme, é impossível não ficar agarrado ao ecrã perante a entusiasmante e intrigante investigação que "All President's Men" nos apresenta. Existe toda uma tensão e inquietação em volta dos destinos de Bob Woodward e Carl Bernstein, uma procura de explorar os perigos que estes viveram, os contratempos, os revezes, o secretismo e dificuldades que estes encontraram enquanto desenvolveram uma investigação apaixonadamente, que serve como exemplo para todo e qualquer jornalista. É na exposição da paixão pelo trabalho que a dupla de jornalistas está a fazer, na fome insaciável por chegarem à verdade, nas suas dúvidas e inquietações, na exploração do intrincado contexto que os envolveu, que o filme nos conquista, com Robert Redford e Dustin Hoffman a oferecerem-nos duas interpretações de grande nível, dando uma dimensão notável a estas duas figuras. Redford interpreta Bob Woodward, um jornalista de pouco relevo no Washington Post que conquista o direito a embrenhar-se neste caso, tendo ao seu lado Carl Bernstein, um "companheiro de armas". A dinâmica entre o duo surpreende, com os dois actores a surgirem credíveis, intensos e verdadeiramente empenhados em dar tudo de si e transformarem-se nos personagens a quem dão vida. Redford mais contido, mas nem por isso menos intenso. Hoffman eléctrico, seja pelo seu personagem ter vinte cafés no estômago ou pelo mesmo ter encontrado uma pista aparentemente relevante. Os dois são duas grandes peças numa admirável obra sobre um escândalo pouco brilhante da história norte-americana.
 Se o escândalo de Watergate simbolizou um dos vários períodos negros da História Norte-Americana, já "All The President's Men" simboliza um dos bons espécimes que nos surgem do seu cinema, tão órfão desta capacidade enorme de saber contar uma história de forma elegante, habilmente orquestrada, que dá espaço aos personagens para crescer, que sabe criar uma tensão gradativa na acção narrativa e no espectador e fazê-lo esquecer que já sabe o desfecho da narrativa. Mérito para Alan J. Pakula, que consegue extrair a emoção de cada momento, beneficiando não só de um subtil trabalho de fotografia, mas também de um argumento coeso de William Goldman (baseado no livro "All The President's Men" de Bernstein e Woodward), enquanto nos apresenta à investigação da dupla de protagonistas. Seja em conjunto ou em separado, Bernstein e Woodward atacam a investigação como se fossem dois cães esfomeados em busca de um naco suculento de carne, enquanto investigam, fazem telefonemas, entrevistam testemunhas, procuram convencer os elementos do jornal a apostarem no trabalho de ambos, enquanto lidam com a oposição do FBI, do Governo e contam com uma ajuda muito especial... o "Garganta Funda".
 "O Garganta Funda" é uma figura cujo nome pode ser associado a outro tipo de filmes, mas é um elemento fulcral para dar informações secretas a Bob Woodward. No filme nunca sabemos a sua verdadeira identidade, sendo um elemento constantemente coberto pelas sombras e pela pouca iluminação da garagem onde à noite se encontra com o personagem de Woodward. Estes encontros são um elemento chave na narrativa. Hal Holbrook surge discreto como esta figura misteriosa, que cede informações confidenciais mas pede para nunca revelar a sua identidade, algo que aconteceu na realidade, onde apenas vários anos depois se soube que este era Mark Felt, o número dois do FBI na década de 70. Os momentos destes encontros surgem de pura tensão: "quem se aproxima?" perguntamos muitas das vezes nós e certamente os personagens, enquanto é criado todo o ambiente de paranóia e desconfiança que nos leva a seguir com enorme inquietação este encontro. Não é apenas este encontro que surge recheado de tensão. Todo um clima de paranóia e insegurança é criado nas constantes entrevistas feitas pela dupla de protagonistas a testemunhas chave em todo o processo, um conjunto de momentos tensos, mas marcados por uma enorme sobriedade de gestos, iluminação e palavras, contrastando com o caos da redacção. Diga-se que essa dicotomia entre a redacção iluminada preenchida por alguns jornalistas obstinados pela descoberta da verdade e a garagem escura onde a insegurança reina é algo muito interessante de verificar, notando-se uma clara procura em criar esta dicotomia comportamental.
 O ambiente da redacção do Washington Post surge cheio de momentos memoráveis. Os personagens esgrimem argumentos, as teclas das máquinas de escrever ouvem-se incessantemente como que a clamar por terem nos pedaços da sua tinta os sonhos de jornalistas intrépidos, o telefone toca sem parar, os jornalistas andam numa azáfama, enquanto em todo este ambiente Redford e Hoffman ganham um elemento do elenco à altura, Jason Robards. Vencedor do Oscar de Melhor Actor Secundário (no ano seguinte voltaria a repetir a proeza pelo papel em "Julia"), Robard surge como Ben Bradlee, o editor-chefe do Washington Post, um homem audaz, com aparente mau feitio, que não gosta de confiar noutras pessoas mas acaba por apostar na dupla de jornalistas. Quem ganha a aposta é Alan J. Pakula ao procurar reproduzir estes eventos com algum rigor histórico, mesclando a história com algumas imagens de arquivo, enquanto nos apresenta a este nebuloso período da história norte-americana, sempre sem perder o valor de entretenimento, apresentando de forma apaixonada uma investigação com contornos memoráveis. Por vezes perde-se na procura minuciosa de apresentar uma investigação científica, um processo moroso, cheio de revezes, mas tudo é apresentado de forma tão apaixonada que é praticamente impossível não nos deixarmos embrenhar pela sua narrativa.
 Quando vamos ver um filme procuramos evitar spoilers sobre o mesmo e tudo o que nos possa estragar algumas das surpresas da narrativa. "All The President's Men" não tem como trunfo o factor surpresa. Já todos conhecemos ou pelo menos ouvimos falar do "caso Watergate". Alan J. Pakula sabe disso e contraria essa falta de "efeito surpresa" ao apresentar-nos uma investigação de forma intensa e apaixonada, oferecendo-nos uma dupla de protagonistas com uma dinâmica memorável e arquitectando uma obra onde toda a atenção ao pormenor é pouca. Ganha o desafio. Faz um clássico e dá-nos momentos verdadeiramente memoráveis.

Título original: "All The President's Men".
Título em Portugal: "Os Homens do Presidente".
Título no Brasil: "Todos os Homens do Presidente".
Realizador: Alan J. Pakula. 
Argumento: William Goldman.
Elenco: Robert Redford, Dustin Hoffman, Jason Robards, Hal Holbrook.

Poster japonês de "Percy Jackson: Sea of Monsters"

Foi divulgado um novo poster de "Percy Jackson: Sea of Monsters", a aguardada sequela de "Percy Jackson & the Olympians: The Lightning Thief". O poster foi lançado para divulgar o filme no mercado japonês (via IMP Awards).

O enredo de "Percy Jackson: Sea of Monsters" é inspirado no segundo volume da série literária criada por Rick Riordan. O livro já foi publicado em Portugal com o título "Percy Jackson e o mar dos Monstros". O livro tem a seguinte sinopse no site da Fnac:

O ano de Percy Jackson foi surpreendentemente calmo. Nenhum monstro se atreveu a colocar os pés no campus da sua escola em Nova Iorque.
Mas quando um inocente jogo do mata entre Percy e seus colegas se transforma numa disputa mortal contra um grupo de gigantes canibais, as coisas ficam... digamos, complicadas.
E a inesperada chegada da sua amiga Annabeth traz mais más noticias: as fronteiras mágicas que protegem a Colónia dos Mestiços foram envenenadas por um inimigo misterioso e, a menos que encontrem uma cura, o único porto seguro dos semideuses tem os seus dias contados.
Nesta emocionante e divertida continuação da série iniciada com Os Ladrões do Olimpo, Percy e seus amigos precisam se aventurar no mar dos Monstros para salvar a Colónia dos Mestiços. Antes, porém, o nosso herói descobrirá um chocante mistério sobre sua família - algo que o fará questionar se ser filho de Posídon é uma honra ou simplesmente uma piada de mau gosto.

"Percy Jackson: Sea of Monsters" é realizado por Thor Freudenthal ("Diary of a Wimpy Kid"), através do argumento de Scott Alexander e Larry Karaszewski (dupla de "Ed Wood"). O filme conta no elenco com Logan Lerman ("The Three Musketeers"), Brandon T. Jackson ("Thunderstruck"), Alexandra Daddario ("Parenthood"), Douglas Smith ("Big Love"), Missi Pyle ("The Artist"), Yvette Nicole Brown ("Repo Men"), Mary Birdsong ("Buried") e Nathan Fillion ("Firefly").

"Percy Jackson: Sea of Monsters" estreia no dia 16 de Agosto de 2013, nas salas de cinema norte-americanas. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Já há trailer do telefilme da HBO "Clear History", escrito por Larry David

Já há um trailer para o telefilme da HBO "Clear History", que podem ver no final do post.

A comédia foi realizada por Greg Mottola ("Adventureland") e escrita por Larry David e pelos argumentistas e produtores executivos de "Curb Your Enthusiasm", Alec Berg, David Mandel e Jeff Schaffer.
Larry David também vai ser um dos actores do filme, contracenando com Jon Hamm ("Mad Men"), Michael Keaton ("Beetlejuice"), Kate Hudson ("Almost Famous"), Bill Hader ("Superbad"), Amy Ryan ("Gone Baby Gone"), Eva Mendes ("Hitch"), J. B. Smoove ("Saturday Night Live"), Danny McBride ("Your Highness") e Phillip Michael Hall.
O enredo de "Clear History" centra-se nas personagens de Larry David e Jon Hamm, que interpretam dois investidores de uma companhia de carros eléctricos. Ambos têm em mente diferentes objectivos, mas o resultado de um negócio irá acabar por beneficiar Hamm, que se irá tornar obscenamente rico, e prejudicar Nathan Flomm, personagem de David, que irá cair em falência. Este curso de eventos irá, logicamente, aumentar a tensão entre ambos. Os dois homens irão reunir-se, no entanto, dez anos mais tarde, quando Flomm, arruinado, e tendo adoptado a persona de um tal Rolly DaVore, avistar a personagem de Hamm numa pequena ilha, num empreendimento turístico. A partir daí, irá tentar levar a cabo a sua vingança.
Para verem o trailer, basta carregarem em ler mais.

Resenha Crítica: "Breakfast at Tiffany's" (Boneca de Luxo)

 Extrovertida e com uma enorme graciosidade, Holly Golightly não só é uma das personagens mais icónicas da carreira da lendária Audrey Hepburn, mas também um símbolo da cultura pop, uma personagem feminina que representa os excessos consumistas da sociedade contemporânea urbana, uma mulher mimada, bela, elegante, que gosta de lavar as suas tristezas na Tiffany's, embora seja incrivelmente frágil, ingénua e vulnerável. Esta é a protagonista de "Breakfast at Tiffany's", uma adaptação livre da obra literária homónima de Truman Capote, realizada por Blake Edwards, que resiste ao tempo e continua a encantar, a fazer-nos sonhar e apelar ao nosso romantismo, à nossa capacidade de nos apaixonarmos desta história onde uma mulher aparentemente fútil e oca esconde um conjunto de problemas e fragilidades emocionais, tendo como companheiro fiel um gato sem nome, enquanto espera por novidades relacionadas com o seu irmão. Holly apenas pensa conquistar um homem rico e viver às custas deste, procurando ascender socialmente e economicamente através das suas conquistas. Distante deste modo de pensamento algo frio de Holly encontra-se Paul Varjak (George Peppard), um escritor que vai morar para o mesmo prédio da protagonista e aos poucos desenvolve uma relação de proximidade com a mesma. Aos poucos, Paul apaixona-se por esta peculiar mulher, que tem a tendência para afastar aqueles que a amam verdadeiramente.
 É sobre a relação entre Holly e Paul que se concentra boa parte da narrativa, nas suas diferenças que se complementam na perfeição, na enorme química que apresentam, na forma como cada um acaba por alterar um pouco o destino do outro, enquanto Audrey Hepburn brilha e George Peppard convence. Hepburn surge menos cândida do que em papéis que já a vimos, mas cheia de charme e carisma, ao interpretar esta mulher que utiliza o seu corpo para atrair os homens e ganhar dinheiro, mas tarda em descobrir-se como ser humano. Como a sua personagem salienta num momento de enorme fragilidade "(...) Eu não sou Holly. Não sou Lula Mae, também. Eu nem sei quem eu sou! Sou como o gato. Somos uma dupla de abandonados sem nome", ou seja, esta procura encontrar-se num meio de um espaço urbano materialista que não a aceita como esta realmente é, procurando através de uma máscara de dondoca sobressair e mostrar todo o seu materialismo e estatuto (ainda que este seja apenas aparente). Uma mulher que tem Hepburn uma intérprete à altura, proporcionando momentos que vão desde o cómico ao dramático, passando por momentos de romantismo e irritação, até momentos memoráveis como Holly a cantar "Moon River" ou a tirar uma máscara que utiliza ao lado de Paul. Quando tiram a máscara, Paul e Holly deixam temporariamente a descoberto os seus sentimentos e emoções, um momento sublime, que perdura na memória, enquanto Hepburn e Peppard apresentam uma química considerável.
 Não é apenas Hepburn que sobressai. Peppard é outro dos elementos em destaque como um escritor que vê a sua vida virada do avesso quando descobre uma mulher que tem tanto de fútil como de apaixonante, que mescla uma fragilidade sincera com um cinismo atroz, uma jovem complexa que aos poucos vamos conhecendo um pouco mais do seu passado e até das suas actividades no presente (incluindo visitar um gangster na prisão para dar informações em código, algo que esta não desconfia, pois pensa estar a dar informações sobre o tempo) e das pessoas que acompanham a sua vida, incluindo Paul. A história de amor de Holly e Paul surge irreal, impossível, daquelas que nos prendem ao grande ecrã e que só o cinema nos pode dar, tão cheias de vida e vibrantes, num romance simplesmente deslumbrante, que contorna as suas situações implausíveis com um charme impossível de resistir. Mérito para Blake Edwards, que nem era a escolha inicial para o cargo de realizador, mas sim John Frankenheimer, que consegue construir um romance com uma candura e paixão que não encontramos nos dias de hoje, capaz de estabelecer algumas críticas a uma sociedade consumista que vive de aparências e ilusões ao mesmo tempo que nos apresenta a uma protagonista complexa e cheia de vida.
 Quem também surge cheio de vida é Manhattan, um espaço citadino por onde deambulam os personagens, um local onde habitam, vivem, discutem, e amam, no interior deste romance cheio de momentos icónicos e memoráveis, onde não falta um Mickey Rooney a roubar as atenções como um vizinho constantemente a ser perturbado pela protagonista, embora o estereótipo japonês do personagem tenha sido muito criticado e ajude a distrair mais do que a fazer rir. Se Hepburn e Blake Edwards brilham, o mesmo se pode dizer da magnífica banda sonora de Henry Mancini e do trabalho de fotografia de Franz F. Planer, bem como do magnífico guarda-roupa da personagem de Hepburn (mais uma vez vestida pela Givenchy), ou seja, vários elementos que contribuíram para a construção de um clássico apaixonante, recheado de pequenos pedacinhos memoráveis, onde até a procura de um gato à chuva surge revestida de forte impacto emocional. Um impacto emocional intenso, seja no romance impossível entre os protagonistas ou numa discussão entre ambos, seja num momento em que Holly se decide embebedar para esquecer, enquanto a narrativa surge pontuada por humor, drama e muito romantismo. "Breakfast at Tiffany's" surge como um romance apaixonante e inesquecível, daquelas obras que nos encantam e oferecem pequenos pedacinhos que ficam gravados na nossa memória e dificilmente os conseguimos esquecer, onde Audrey Hepburn atinge um daqueles desempenhos icónicos, apenas ao alcance das grandes lendas da história do cinema.

Título original: "Breakfast at Tiffany's"
Título em Portugal: "Boneca de Luxo".
Título no Brasil: "Bonequinha de Luxo".
Realizador: Blake Edwards.
Argumento: George Axelrod.
Elenco: Audrey Hepburn, George Peppard, Patricia Neal, Bubby Ebsen, José Luís de Vilallonga.

Christopher Plummer substitui Michael Caine no elenco de "Imagine"

O Deadline noticiou que Christopher Plummer ("Beginners") vai substituir Michael Caine ("The Dark Knight Rises") no elenco de "Imagine". Plummer interpreta o agente do protagonista. O filme conta no elenco com Josh Peck, Jennifer Garner, Al Pacino, Annette Bening e Bobby Cannavale.

"Imagine" marca a estreia de Dan Fogelman (argumentista de "Crazy, Stupid, Love") na realização cinematográfica, numa obra que conta com o argumento do próprio. O enredo de "Imagine" centra-se numa estrela de rock envelhecida (Pacino), que descobre ter um filho, cuja existência desconhecia. O título do filme remete para a fonte desta notícia, uma carta enviada pela lenda John Lennon, que o protagonista só abriu numa fase tardia da sua vida.

"Imagine" ainda não tem uma data de estreia definida. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Rosemarie DeWitt no elenco de "Kill the Messenger"

O Deadline noticiou que Rosemarie DeWitt ("Promised Land") encontra-se em negociações para juntar-se a Paz Vega ("Grace of Monaco") e Jeremy Renner ("Hansel & Gretel: Witch Hunters") no elenco de "Kill the Messenger", um filme realizado por Michael Cuesta ("Homeland"). O argumento do filme está a cargo de Peter Landesman ("Parkland"). De Witt vai interpretar a principal personagem feminina do filme.

O enredo de "Kill the Messenger" é baseado em factos reais, tendo como ponto de partida os livros "Dark Alliance: The CIA, the Contras, and the Crack Cocaine Explosion" de Gary Webb e Nick Schou "Kill the Messenger: How the CIA’s Crack-Cocaine Controversy Destroyed Journalist Gary Webb". A história é baseada em Gary Webb, um jornalista que escreveu três artigos, onde detalha as ligações da CIA com o narcotráfico, nomeadamente, a forma como a CIA permitiu a entrada de Cocaína nos Estados Unidos da América. Esta era uma fonte de receita para a agência de segurança financiar os movimentos rebeldes em Nicarágua.
 Perante a publicação destes artigos, Webb foi perseguido, tendo ficado sem trabalho, até entrar numa espiral descendente e cometido suicídio.

As filmagens de "Kill The Messenger" começam em Agosto de 2013. Podem seguir o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Terence Stamp no elenco do novo filme realizado por Tim Burton

O The Hollywood Reporter noticiou (via Coming Soon) que Terence Stamp ("The Adjustment Bureau") vai juntar-se a Jason Schwartzman ("The Grand Budapest Hotel"), Krysten Ritter ("Breaking Bad"), Danny Huston ("Hitchcock"), Amy Adams ("The Master") e Christoph Waltz ("Django Unchained") no elenco de "Big Eyes". O filme será realizado por Tim Burton, através do argumento de Scott Alexander e Larry Karaszewski. Stamp vai dar vida a John Canaday, um crítico de arte do New York Times.

O projecto encontra-se para ser desenvolvido há vários anos, mas tem sofrido uma série de reveses. O enredo de "Big Eyes" acompanha Margaret e Walter Keane, uma dupla de pintores famosa por elaborar figuras de crianças com grandes olhos. Estas obras eram muito populares durante a década de 50 e 60, tendo gerado um grande sucesso de vendas. Walter era o responsável pelas vendas, enquanto Margaret era a responsável pelas pinturas, apesar dele levar o crédito por ambas as actividades. Mais tarde, Margaret e Walter separaram-se e iniciaram uma disputa no tribunal.

O projecto ainda não conta com um cronograma definido. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

28 junho 2013

Resenha Crítica: "Funny Face" (Cinderela em Paris)

 Jo Stockton (Audrey Hepburn) é uma discreta, culta e bela funcionária de uma livraria, uma mulher apaixonada por filosofia e algo atrapalhada, que vê a sua vida mudar quando Maggie Prescott (Kay Thompson), a editora e chefe da revista de moda Quality, surge na loja para uma sessão de fotografias, acompanhada pelo fotógrafo Dick Avery (Fred Astaire) e uma modelo que tinha tanto de bela como de oca a nível de inteligência. Sem ouvir nada nem ninguém, arrogante e pronta a ditar as novas tendências da moda, Prescott pretende desenvolver uma sessão fotográfica na livraria, ignorando estar no interior de uma propriedade privada, do facto da dona da livraria considerar que esse tipo de revistas são "snobs e lidam com a aparência de modo irreal" e o facto de Jo não estar a gostar da ideia, embora não se consiga impor, acabando até por participar numa sessão a fingir que está a vender um livro. Jo Stockton acaba por despertar a atenção de Dick, que logo convence Maggie a colocar a protagonista como a modelo que vai posar com os novos modelos do costureiro Paul Duval em Paris, devido a ter "carácter, espírito e inteligência (...) Uma novidade para revistas de moda". Ainda que relutantemente, Jo aceita ir para Paris, ainda que seja um meio para atingir um fim, nomeadamente "ver onde os filósofos pensam como Jean-Paul Sartre", "debater com os rapazes de Montmartre e Montparnasse" e conhecer o filósofo Flostre.
 Em Paris, Jo descobre-se como pessoa, convive com o espaço da cidade Luz e as suas pessoas, enquanto gradualmente desenvolve uma relação que vagueia entre o amor e a amizade com Dick, procura cumprir as tarefas de modelo, envolve-se em peripécias e nos encanta com o seu jeito algo naïve. Esta beneficia do carisma e talento de Audrey Hepburn, uma actriz cuja aura apenas destinada aos predestinados lhe permite dar um encanto natural às suas personagens, tendo em Jo uma jovem sonhadora e cheia de ideais, que tem na filosofia a sua paixão e no amor a sua fraqueza, enquanto Hepburn tem mais uma personagem para explorar a sua versatilidade. Hepburn canta, dança, encanta e contagia, formando com Fred Astaire uma dupla carismática, com a diferença de idades a não surgir como um contratempo para a enorme química que apresentam. Juntos, Hepburn e Astaire protagonizam alguns momentos memoráveis, onde não falta uma estranha dança num clube nocturno, onde a primeira apresenta alguns movimentos estranhos e deliciosos, que facilmente ficam gravados na memória. Diga-se que Hepburn e Astaire são duas peças fulcrais de um musical bem construído, que conta com a experiência de Stanley Donen na realização de filmes do género, após ter realizado ao lado de Gene Kelly alguns musicais como "On the Town" (1949), "Singin'in the Rain" (1952), e a solo "Royal Wedding" (1951) e "Seven Brides for Seven Brothers" (1954).
 Donen não realiza um musical à altura de "Singin' in the Rain", mas nem por isso desenvolve uma obra menor do seu currículo, ao apresentar um musical cheio de cor, ilusão e romantismo, onde se nota toda uma procura em explorar os cenários parisienses e alguns dos estereótipos associados ao mundo da moda e às revistas do género. Essa superficialidade fica bem explícita na dicotomia entre a protagonista e a editora da revista, onde podemos encontrar o desejo da jovem Jo em incrementar os seus conhecimentos em contraste com a procura de Prescott em manter as aparências, bem como na redacção da revista recheada de superficialidade com os boémios da "geração beat" que frequentam os bares e ouvem jazz, que procuram lutar contra um sistema consumista e recheado de falsas aparências. Um contraste que surge efectuado com uma certa mordacidade e ironia, enquanto Donen intercala a narrativa com alguns momentos musicais que ficam na memória, sabe jogar com os nossos sentidos e emoções num espectáculo cheio de glamour e vivacidade, onde Audrey Hepburn e Fred Astaire dançam e encantam.
 Para além de proporcionar momentos emotivos ao lado de Hepburn e espalhar talento com os seus números de dança, Astaire ainda teve um papel importante nas coreografias da dança ao lado de Eugene Loring, contribuindo para superar algumas possíveis limitações da sua companheira na dança e a protagonizar alguns momentos de bom cinema. Momentos daqueles que ultrapassam a realidade e as limitações de um argumento simples e relativamente previsível, que nos deixam a sós perante uma visão romântica e irreal de Paris mas incrivelmente bela, uma visão onde duas pessoas se apaixonam improvavelmente, onde a dança serve para expressar sentimentos e comunicar. Enérgico, cheio de cor, números musicais entusiasmantes e um charme irresistível, "Funny Face" surge como um musical cheio de candura e momentos de romantismo, onde Audrey Hepburn e Fred Astaire mostram o seu talento e uma enorme química, enquanto dançam, cantam, divertem-nos e fazem-nos sonhar com esta Paris tão cheia de vida e ilusão.

Título original: "Funny Face". 
Título em Portugal: "Cinderela em Paris".
Título no Brasil: "Cinderela em Paris". 
Realizador: Stanley Donen. 
Argumento: Leonard Gershe. 
Elenco: Audrey Hepburn, Fred Astaire, Kay Thompson, Michael Auclair. 

Trailer de "Thérèse Desqueyroux"

 Foi divulgado um trailer de "Thérèse Desqueyroux", um filme protagonizado pela nossa mui adorada Audrey Tautou ("Amélie"). O trailer foi lançado para divulgar o filme no mercado norte-americano (daí o título "Thérèse") e pode ser visto no final do post.

"Thérèse Desqueyroux" é a nova adaptação da obra literária homónima da autoria de François Mauriac. O filme é realizado por Claude Miller ("The Little Theif") e conta no elenco com Audrey Tautou, Gilles Lellouche, Anaïs Demoustier, Stanley Weber, Jérôme Thibault, entre outros.

O enredo de "Thérèse" desenrola-se em França, durante a década de 20, do Século XX. A histórica acompanha Thérèse, uma jovem sonhadora que casa com o seu vizinho Bernard Desqueyroux, juntando as vastas propriedades de ambos num vasto património. Bernard tolera o carácter forte da sua brilhante e apaixonada esposa, mas esta rapidamente sente-se sufocada pela vida na província e a mediocridade intelectual do seu marido. Thérèse sonha com Paris, com o estímulo da vida citadina, com a cultura, começando a procurar um meio para sair da vida que leva.

"Thérèse Desqueyroux" estreia em Portugal a 14 de Novembro de 2013. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema


"Gru o Maldisposto 2" (Despicable Me 2) - Cinco posters dedicados aos Minions

Foram divulgados cinco novos posters de "Gru - O Maldisposto 2", um filme realizado por Chris Renaud e Pierre Coffin. Os posters centram-se nos Minions e podem ser visualizados no final do post (via IMP Awards).

O enredo de "Despicable Me 2" ainda é desconhecido, sabe-se apenas que Gru está de volta, bem como os Minions e as raparigas órfãs. O antagonista chama-se El Macho.

O filme é realizado por Chris Renaud e Pierre Coffin, através do argumento de Cinco Paul e Ken Daurio (dupla de argumentistas de "Despicable Me"). "Despicable Me 2" conta no elenco de vozes com Steve Carell, Kristen Wiig, Miranda Cosgrove, Russell Brand, Benjamin Bratt e Steve Coogan. A versão dobrada em português conta com as vozes de Nicolau Breyner (Gru), Rita Blanco e Joaquim de Almeida.

"Gru - O Maldisposto 2" estreia em Portugal a 4 de Julho de 2013. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Podem ler a crítica a "Gru - O Maldisposto 2" em: Resenha Crítica: "Gru o Maldisposto 2" (Meu Malvado Favorito 2)



Trailer de "Breathe In"

Foi divulgado on-line (via The Playlist) um trailer "Breathe In", um filme filme realizado por Drake Doremus ("Like Crazy") e protagonizado por Guy Pearce ("Memento"), Felicity Jones ("Like Crazy") e Amy Ryan ("Gone Baby Gone"). Podem ver o trailer no final do post.

O argumento do filme foi escrito por Doremus, em colaboração com Ben York Jones, e, para além de Pearce, Jones e Ryan, figuram no elenco Kyle MacLachlan ("Twin Peaks" e "Desperate Housewives"), Mackenzie Davis e Nico Tortorella.

O enredo de "Breathe In" centra-se em Keith Reynolds, um antigo músico, agora professor dessa arte, cuja relação com a esposa já conheceu melhores dias. A vida de Keith muda com a chegada de uma estudante estrangeira, Sophie, um finalista britânica do ensino secundário, com a idade da filha do protagonista, que irá reacender o lado impetuoso da personalidade de Keith.

"Breathe In" estreia em Portugal a 23 de Janeiro de 2014, com o título "Um Novo Fôlego". Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema



Novo poster de "Lovelace"

Foi divulgado (via IMP Awards) um novo poster de "Lovelace", a biopic sobre a estrela de filmes pornográficos Linda Lovelace (uma vedeta especializada em distribuir amor). "Lovelace" estreia em Portugal a 28 de Novembro de 2013.

 O enredo de "Lovelace" tem como fonte o livro "The Complete Linda Lovelace", de Eric Danville, cuja história é contada através da perspectiva de três jornalistas que entrevistaram Lovelace durante vários estágios de sua vida. Depois de deixar a indústria pornográfica, Linda acusou Traynor de tê-la coagido, agredido, hipnotizado, e obrigado a protagonizar este tipo de filmes, entre os quais a Garganta Profunda.

O filme é realizado por Rob Epstein e Jeffrey Friedman ("Howl"), através do guião de W. Merritt Johnson. "Lovelace" conta no elenco com Juno Temple ("The Three Musketeers"), Wes Bentley ("American Beauty"), Sharon Stone ("Bobby"), Amanda Seyfried ("In Time") e Peter Sarsgaard ("Jarhead"), Hank Azaria ("The Simpsons"), Wes Bentley ("Gone"), Robert Patrick ("Walk the Line"), James Franco ("127 Hours"), Adam Brody ("The O.C."), Eric Roberts ("Heroes"), Chloë Sevigny ("Brown Bunny").

Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Segundo clip de "Pacific Rim"

 Foi divulgado o segundo clip de "Pacific Rim" ("Batalha do Pacífico"). Podem ver o novo clip de "Pacific Rim" ao clicarem em mais informações.

 O filme é realizado por Guillermo del Toro ("Hellboy"), através do argumento de Travis Beacham. "Pacific Rim" conta no elenco com Charlie Hunnam, Idris Elba, Charlie Day, Rinko Kikuchi, Max Martini, Willem Dafoe, Robert Kazinsky, Ron Perlman, Clifton Collins Jr e Diego Klattenhoff.

Sinopse: Quando legiões de criaturas monstruosas, conhecidas como Kaiju, começaram a emergir do fundo do mar, iniciou-se uma guerra que tomaria milhões de vidas e consumiria os recursos da Terra durante anos a fio. Para combater os gigantes Kaiju, foi criada uma arma especial: robôs gigantes, chamados de Jaegers, controlados simultaneamente por dois pilotos cujas mentes conectam-se através de uma ponte neural.
  Porém, mesmo os Jaegers provam ser vulneráveis diante dos implacáveis Kaiju. Perante uma derrota iminente, as forças responsáveis pela defesa da humanidade não têm outra escolha a não ser confiarem em dois improváveis heróis - um antigo piloto (Charlie Hunnam) e uma cadete sem experiência (Rinko Kikuchi) - para pilotar um Jaeger lendário no passado mas hoje aparentemente obsoleto. Juntos, estes são a última esperança da humanidade contra o Apocalipse".

"Pacific Rim" estreia a 12 de Julho de 2013, nas salas de cinema norte-americanas. "Pacific Rim" estreia em Portugal a 18 de Julho de 2013, com o título "Batalha do Pacífico". Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema


Primeiro clip de "Nymphomaniac"

Foi divulgado o primeiro clip de "Nymphomaniac", o novo projecto de Lars von Trier. Podem ver o vídeo promocional no final do post.

"Nymphomaniac" é descrito como um filme "sexualmente gráfico", que terá duas versões: uma 'light' e outra sem cortes, ambas escritas e realizadas por Lars Von Trier. Para além de Slater, o filme conta no elenco com Charlotte Gainsbourg ("The Tree"), Stellan Skarsgard ("The Avengers"), Jamie Bell ("Billy Elliot"), Connie Nielsen ("Boss"), Nicolas Bro ("War Horse"), Jesper Christensen ("Quantum of Solace"), Jens Albinus ("Idiots"), Shanti Roney ("Together") Severin von Hoensbroech ("Ruhm"), Udo Kier, Christian Slater, Uma Thurman ("Kill Bill"), Willem Dafoe ("Manderlay") e Jean-Marc Barr ("Dogville") .

Sinopse: NYMPHOMANIAC é a leve e poética história da jornada erótica de uma mulher, desde o nascimento até chegar aos cinquenta anos de idade, contada a partir da ninfomaníaca do título, Joe. Numa fria noite de Inverno, Seligman, encontra Joe praticamente inconsciente, após ter sido espancada. Depois de levá-la para o seu apartamento, este observa atentamente as feridas da mulher, ao mesmo tempo que procura tentar compreender como tudo pode ter corrido tão mal. Este escuta atentamente a história que a mulher tem para contar ao longo de oito capítulos, onde Joe narra a história da sua vida.

"Nymphomaniac" ainda não tem uma data de estreia definida. Podem seguir o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema


Phil Lord e Chris Miller vão desenvolver "The Reunion" para a Sony

Phil Lord e Chris Miller, dupla de realizadores de "21 Jump Street", vão ser os responsáveis pelo desenvolvimento de "The Reunion", para a Sony. Miller escreveu o argumento, é ele que vai realizar o filme, mas ambos vão desempenhar o cargo de produtores sob a representação da empresa de ambos, Lord Miller.

Não se sabe quase nada sobre o projecto, excepto de que se irá desenrolar durante uma reunião de ex-alunos de uma turma do ensino secundário.

Antes do filme em questão, Lord e Miller deverão realizar a sequela de "21 Jump Street", temporariamente intitulada "22 Jump Street", cujas filmagens deverão começar ainda no decorrer de 2013.

Mark Wahlberg vai protagonizar um filme escrito pelo argumentista de "The Departed"

De acordo com o Deadline, William Monahan, argumentista que ganhou um Óscar graças a “The Departed”, acabou de escrever uma adaptação do livro American Desperado: My Life - From Mafia Soldier to Cocaine Cowboy to Secret Government Asset, da autoria de Jon Roberts e Evan Wright.

Mark Wahlberg vai protagonizar o filme e Peter Berg , realizador de “Battleship” e “Hancock”, vai realizá-lo.

Parte da sinopse do livro, retirada da Amazon, é a seguinte:

«Em 2008, o jornalista veterano Evan Wright, aclamado pelo seu best-seller Generation Kill e co-argumentista da série da HBO vencedora de vários Emmys que originou, começou uma série de conversas com o super-criminoso Jon Roberts, estrela de um documentário de sucesso fabuloso intitulado Cocaine Cowboys. Aquelas conversas iriam durar três anos, durante os quais Wright se apercebeu que Roberts era muito mais do que um “chefe de transportação” do Cartel Medellin durante a década de 1980, muito mais do que um dinamizador da epidemia nacional de drogas. Enquanto o gravador de Wright ia rodando e Roberts se libertava de centenas de histórias espantosas, tornou-se claro de que talvez ninguém na história tivesse infringido tantas leis com tanta despreocupação

A Paramount Pictures está a planear começar a produção no início do próximo ano, mas ainda nada está confirmado.

Hugh Jackman, Jake Gyllenhaal e muito photoshop nos novos posters de "Prisoners"

Foram divulgados dois novos posters de "Prisoners", o novo filme realizado por Dennis Villeneuve. Os posters centram-se individualmente nos personagens interpretados por Hugh Jackman e Jake Gyllenhaal (ambos com muito photoshop). Podem ver os posters no final do post (via IMP Awards).

O enredo de "Prisoners" acompanha Keller Dover (Jackman) um carpinteiro de uma pequena cidade que tem de correr contra o tempo para salvar a sua filha e a melhor amiga desta, após terem sido raptadas e a polícia não conseguir resolver o caso. Durante toda esta busca, Keller acaba por ir contra a polícia e contra o detective designado para o caso, deixando um rasto de fúria por onde passa.

"Prisoners" é realizado por Dennis Villeneuve ("Incendies"), através do argumento de Aaron Guzikowski (“Contraband”). O filme conta no elenco com Hugh Jackman ("Van Helsing"), Melissa Leo ("Flight"), Jake Gyllenhaal ("An Enemy"), Paul Dano ("Ruby Sparks"), Viola Davis ("The Help"), Maria Bello ("Grown Ups 2") e Terrence Howard ("Iron Man").

"Prisoners" estreia a 20 de Setembro de 2013, nos Estados Unidos da América. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema


Joel Edgerton pode juntar-se a Michael Shannon no elenco do novo filme realizado por Jeff Nichols

A Variety revelou que Joel Edgerton ("The Great Gatsby") encontra-se em negociações para juntar-se a Michael Shannon ("Take Shelter") no elenco do filme de ficção científica que Jeff Nichols ("Mud") vai escrever e realizar para a Warner Bros. O papel de Edgerton não foi revelado.

O enredo do filme ainda é praticamente desconhecido, sabe-se apenas que será uma obra de ficção científica e envolve uma perseguição.

O filme será produzido por Sarah Green e Brian Kavanaugh-Jones. A produção executiva está a cargo de Glen Basner e Christos V. Konstantakopoulos. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Ryan Reynolds junta-se a Ben Mendelsohn no elenco de "Mississippi Grind"

O Deadline noticiou que Ryan Reynolds ("The Green Lantern") vai juntar-se a Ben Mendelsohn ("Killing Them Softly") no elenco de "Mississippi Grind", um filme escrito e realizado por Anna Boden e Ryan Fleck ("Half Nelson").

O enredo de "Mississippi Grind" centra-se num jogador cheio de dívidas (Mendelsohn), que decide formar uma equipa com um viciado no jogo (Reynolds), enquanto desenvolvem uma viagem ao redor do Sul dos Estados Unidos da América, para tentarem recuperar aquilo que perderam.

"Mississippi Grind" ainda não tem uma data de estreia definida. Podem seguir o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

"The Conjuring" - Novo trailer

Foi divulgado mais um trailer de "The Conjuring", um filme realizado por James Wan. Podem ver o trailer de "The Conjuring" no final do post. "The Conjuring" estreia a 19 de Julho de 2013, nas salas de cinema norte-americanas.

O enredo de "The Conjuring" é baseado na história real dos demonologistas Ed e Lorraine Warren. A história acompanha Ed e Lorraine Warren (Patrick Wilson e Vera Farmiga), dois investigadores do paranormal, contratados para ajudar uma família assombrada por uma presença ameaçadora escondida numa quinta isolada. Forçados a enfrentar uma poderosa entidade demoníaca, os Warrens dão por si no meio do mais importante caso das suas vidas.

O filme é realizado por James Wan ("Insidious"), através do argumento de Chad e Carey Hayes ("House of Wax"). "The Warren Files" conta no elenco com Patrick Wilson ("Insidious"), Vera Farmiga ("Orphan"), Ron Livingston ("Ten Year"), Lili Taylor ("Brooklyn's Finest"), McKenzie Foy (Renesmee em "The Twilight Saga: Breaking Dawn – Part 2") e Joey King ("The Dark Knight Rises").

  "The Conjuring" estreia em Portugal a 19 de Setembro de 2013. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema 


Novo trailer de "Prisoners"

Foi divulgado um novo trailer de "Prisoners", o novo filme realizado por Dennis Villeneuve. Podem ver o trailer no final do post.

O enredo de "Prisoners" acompanha Keller Dover (Jackman) um carpinteiro de uma pequena cidade que tem de correr contra o tempo para salvar a sua filha e a melhor amiga desta, após terem sido raptadas e a polícia não conseguir resolver o caso. Durante toda esta busca, Keller acaba por ir contra a polícia e contra o detective designado para o caso, deixando um rasto de fúria por onde passa.

"Prisoners" é realizado por Dennis Villeneuve ("Incendies"), através do argumento de Aaron Guzikowski (“Contraband”). O filme conta no elenco com Hugh Jackman ("Van Helsing"), Melissa Leo ("Flight"), Jake Gyllenhaal ("An Enemy"), Paul Dano ("Ruby Sparks"), Viola Davis ("The Help"), Maria Bello ("Grown Ups 2") e Terrence Howard ("Iron Man").

"Prisoners" estreia a 20 de Setembro de 2013, nos Estados Unidos da América. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema


Margot Robbie, Ruth Wilson e Alexandra Maria Lara no elenco de "Suite Française"

O Deadline noticiou que Margot Robbie ("The Wolf Of Wall Street"), Ruth Wilson ("The Lone Ranger") e Alexandra Maria Lara ("Rush") vão juntar-se a Sam Riley ("On the Road"), Mathias Schoenaerts ("Rust & Bone"), Kristin Scott Thomas ("Bel Ami") e Michelle Williams ("My Week With Marilyn") no elenco da adaptação cinematográfica de "Suite Française", um livro inspirado em factos reais da autoria de Irene Nemirovsky. A mesma fonte não revelou os papéis do trio.

O enredo de "Suite Française" desenrola-se durante a II Guerra Mundial, na França Ocupada, e acompanha a personagem Lucille (Williams), uma jovem mulher francesa, que se apaixona por um soldado alemão e terá de escolher entre o seu país e o amor. Embora Lucille seja casada, a relação que mantém com o marido não é a melhor, tendo no piano e na sua dominadora sogra (Thomas) a sua única companhia.

O filme será realizado por Saul Dibb ("The Duchess"), através de argumento do próprio, Mark Cooper e David Parfitt. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Novo filme da saga "Terminator" estreia a 26 de Junho de 2015

A Skydance Productions, Annapurna Pictures e Paramount Pictures anunciaram (via Coming Soon) que o novo filme da saga "Terminator" vai estrear a 26 de Junho de 2015 (nos EUA). O filme marca o primeiro volume de uma nova trilogia da saga.  O argumento está a cargo de Laeta Kalorgridis ("Avatar", "Shutter Island") e Patrick Lussier ("Drive Angry)".

O enredo do novo filme da saga "Terminator" ainda não é conhecido. A saga começou em 1984 com "The Terminator", um filme realizado por James Cameron, onde Arnold Schwarzenegger interpretava um cyborg enviado para o passado para eliminar Sarah Connor. O sucesso do filme levou a que fossem desenvolvidas três sequelas ("Terminator 2: Judgement Day", em 1991; "Terminator 3: Rise of the Machines", em 2003 e "Terminator Salvation", em 2009) e uma série de televisão, intitulada "Terminator: The Sarah Connor Chronicles", transmitida em 2008 e 2009.

O projecto ainda não conta com um realizador contratado. Podem seguir o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema  

27 junho 2013

Leonardo DiCaprio e Jamie Foxx protagonizam adaptação de "Mean Business on North Ganson Street"

O Deadline noticiou que a Warner Bros adquiriu os direitos de adaptação ao grande ecrã de "Mean Business on North Ganson Street", um livro escrito por Craig Zahler. A mesma fonte adianta que o projecto vai reunir Leonardo DiCaprio e Jamie Foxx (dupla de "Django Unchaneid") no elenco. O argumento do projecto vai ser desenvolvido por Zahler.

O enredo de "Mean Business on North Ganson Street" centra-se num detective interpretado por Leonardo  DiCaprio. Quando um cliente pede para investigar o desaparecimento da mulher, o protagonista logo lhe revela que a esposa era uma prostituta que fugiu com o dinheiro do primeiro. Quando o cliente comete um acto trágico, o detective cai em desgraça e é enviado para Victory, no Missouri, uma cidade problemática, onde os crimes violentos estão a subir exponencialmente. O protagonista é obrigado a trabalhar com um detective igualmente problemático (Foxx), que foi despromovido por ter agredido publicamente um suspeito. A dupla é obrigada a aplicar-se quando tem de investigar um caso que envolve assassinatos de polícias.

O projecto ainda não conta com um cronograma definido. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em:  https://www.facebook.com/RicksCinema

Vídeo promocional de "Cloudy With a Chance of Meatballs 2" apresenta os Foodimals

Foi divulgado um vídeo promocional de "Cloudy with a Chance of Meatballs 2", a sequela de "Chovem Almôndegas", que tem como tema central os foodimals. Podem ver o vídeo promocional no final do post.

  "Cloudy with a Chance of Meatballs 2" será realizado por Cody Cameron e Kris Pearn (que trabalharam no departamento de animação do primeiro filme). O filme conta no elenco de vozes com Bill Hader como Flint Lockwood; Anna Faris como Sam Sparks; James Caan como Tim Lockwood, o pai de Flint; Andy Samberg como uma celebridade local chamada “Baby” Brent; Neil Patrick Harris como Steve; Benjamin Bratt como Sam, um operador de câmara; Kristen Schaal como um fêmea orangotango com cérebro humano; Terry Crews como Earl, o polícia da cidade.

O enredo de "Cloudy with a Chance of Meatballs 2" desenrola-se pouco tempo depois dos eventos do primeiro filme, com Flint Lockwood a ver o seu talento a ser finalmente reconhecido, tendo sido convidado por Chester V (Will Forte) para juntar-se à "The Live Corp Company", uma empresa onde os melhores inventores do mundo criam tecnologias para melhorar a vida da humanidade. O braço direito de Chester é Barb (Kristen Schaal), uma orangotango com cérebro humano, que também é desonesta, manipuladora e gosta de utilizar batom.
Flint sempre teve o sonho de ser reconhecido como um grande inventor, mas tudo muda quando este descobre que a sua mais infame invenção, a máquina que transforma água em comida, continua a ser utilizada e encontra-se a criar mutantes esfomeados e perigosos.
Com o destino da humanidade nas suas mãos, Flint e os seus amigos devem embarcar numa missão deliciosamente perigosa, onde terão de enfrentar vários mutantes com formato de comida, e salvar o Mundo... outra vez!"

"Cloudy with a Chance of Meatballs 2" estreia a 27 de Setembro de 2013, nas salas de cinema norte-americanas. "Cloudy with a Chance of Meatballs 2" estreia em Portugal a 19 de Dezembro de 2013. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema


Clip de "Pacific Rim"

 Foi divulgado o primeiro clip de "Pacific Rim" ("Batalha do Pacífico"). O trecho centra-se numa cena protagonizada pelos personagens interpretados por Idris Elba e Charlie Hunnam. Podem ver o clip no final do post.

 O filme é realizado por Guillermo del Toro ("Hellboy"), através do argumento de Travis Beacham. "Pacific Rim" conta no elenco com Charlie Hunnam, Idris Elba, Charlie Day, Rinko Kikuchi, Max Martini, Willem Dafoe, Robert Kazinsky, Ron Perlman, Clifton Collins Jr e Diego Klattenhoff.

Sinopse: Quando legiões de criaturas monstruosas, conhecidas como Kaiju, começaram a emergir do fundo do mar, iniciou-se uma guerra que tomaria milhões de vidas e consumiria os recursos da Terra durante anos a fio. Para combater os gigantes Kaiju, foi criada uma arma especial: robôs gigantes, chamados de Jaegers, controlados simultaneamente por dois pilotos cujas mentes conectam-se através de uma ponte neural.
  Porém, mesmo os Jaegers provam ser vulneráveis diante dos implacáveis Kaiju. Perante uma derrota iminente, as forças responsáveis pela defesa da humanidade não têm outra escolha a não ser confiarem em dois improváveis heróis - um antigo piloto (Charlie Hunnam) e uma cadete sem experiência (Rinko Kikuchi) - para pilotar um Jaeger lendário no passado mas hoje aparentemente obsoleto. Juntos, estes são a última esperança da humanidade contra o Apocalipse".

"Pacific Rim" estreia a 12 de Julho de 2013, nas salas de cinema norte-americanas. "Pacific Rim" estreia em Portugal a 18 de Julho de 2013, com o título "Batalha do Pacífico". Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema


Dianna Agron e John D’Leo nas duas novas imagens de "The Family"

O Collider divulgou duas novas imagens de "The Family" (anteriormente "Malavita"), o novo filme de Luc Besson. As imagens centram-se nos personagens interpretados por Dianna Agron e John D’Leo. Podem ver as imagens no final do post.

"The Family" é escrito, realizado e produzido por Luc Besson ("The Lady"). O filme conta no elenco com Robert De Niro ("Red Lights"), Michelle Pfeiffer ("Dark Shadows"), Dianna Agron ("Glee"), Tommy Lee Jones ("Hope Springs") e John D’Leo ("Wanderlust").

O argumento de "The Family" é inspirado no livro "Badfellas" de Tonino Benacquista. A história centra-se no personagem interpretado por Robert De Niro, um elemento da família Manzoni, que vive com a sua família na Normandia sob o serviço de protecção a testemunhas do FBI. Escusado será dizer que os planos do personagem não vão acontecer como o planeado e os elementos da família Manzoni começam a resolver os problemas "à maneira da família".

Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema


Julianne Moore pode integrar o elenco de "The Hunger Games: Mockingjay"

O The Hollywood Reporter noticiou que Julianne Moore ("Game Change") encontra-se em negociações para juntar-se ao elenco das duas partes de "The Hunger Games: Mockingjay". Moore pode dar vida a Alma Coin, a líder do Districto 13.

"The Hunger Games: Mockingjay" foi publicado em Portugal com o título: "Os Jogos da Fome - Revolta" e tem a seguinte sinopse (Bertrand): Katniss Everdeen não devia estar viva. Mas, apesar dos planos do Capitólio, a rapariga em chamas sobreviveu e está agora junto de Gale, da mãe e da irmã no Distrito 13. Recuperando pouco a pouco dos ferimentos que sofreu na arena, Katniss procura adaptar-se à nova realidade: Peeta foi capturado pelo Capitólio, o Distrito 12 já não existe e a revolução está prestes a começar. Agora estão todos a contar com Katniss para continuar a desempenhar o seu papel, assumir a responsabilidade por inúmeras vidas e mudar para sempre o destino de Panem - independentemente de tudo aquilo que terá de sacrificar…

O próximo filme da saga "The Hunger Games" a estrear no grande ecrã é "The Hunger Games: Catching Fire". O filme é realizado por Francis Lawrence ("Water for Elephants"), através do argumento de Simon Beaufoy ("Slumdog Millionaire") e posteriormente Tom Arndt ("Toy Story 3"). O elenco é composto por Jennifer Lawrence, Josh Hutcherson, Liam Hemsworth, Elizabeth Banks, Stanley Tucci, Donald Sutherland, Woody Harrelson, Philip Seymour Hoffman, entre outros.

The Hunger Games: Catching Fire" estreia no dia 22 de Novembro de 2013, nas salas de cinema norte-americanas. Podem seguir o Rick´s Cinema em: https://www.facebook.com/RicksCinema 

Sylvester Stallone e Arnold Schwarzenegger no trailer de "Escape Plan"

Foi divulgado o primeiro trailer de "Escape Plan" (anteriormente "The Tomb"), o novo filme do realizador Mikael Håfström ("Derailed"). Podem ver o trailer no final do post.

O enredo de "Escape Plan centra-se em Ray Breslin (Sylvester Stallone), uma autoridade a nível mundial na construção de prisões de segurança máxima. Após ter sido injustamente acusado por um crime que não cometeu, Ray tem de colocar em prática todos os conhecimentos que tem para fugir da prisão e descobrir quem o colocou atrás das grades. Schwarzenegger interpreta Emil Rottmayer, um presidiário que colabora com o protagonista na fuga da prisão. 

O filme é realizado por Mikael Håfström ("The Rite"), através do argumento de Miles Chapman e Jason Keller. "Escape Plan" conta no elenco com Arnold Schwarzenegger ("The Last Stand"), Sylvester Stallone ("The Expendables"),  Jim Caviezel ("Person of Interest"), Vincent D'Onofrio ("Law & Order: Criminal Intent"), Vinnie Jones ("Snatch"), Amy Ryan ("The Wire") e 50 Cent ("Get Rich or Die Tryin"), entre outros.

"Escape Plan" estreia a 18 de Outubro de 2013, nos Estados Unidos da América. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema


Russell Crowe, Emma Watson e Anthony Hopkins nas imagens de "Noah"

O The Film Stage divulgou várias imagens de "Noah", o novo filme realizado por Darren Aronofsky ("The Wrestler"). As imagens centram-se nos personagens interpretados por Russell Crowe, Logan Lerman, Jennifer Connelly, Emma Watson, Ray Winstone e Anthony Hopkins. Podem ver as imagens no final do post.

"Noah" é realizado por Darren Aronosfky ("The Wrestler"), através do argumento de John Logan ("Gladiator"), Ari Handel e do próprio Aronofsky. O filme conta no elenco com Russell Crowe ("Les Miserables"), Douglas Booth ("LOL"), Logan Lerman ("The Three Musketeers"), Emma Watson ("The Bling Ring"), Jennifer Connelly ("Requiem for a Dream"), Anthony Hopkins ("Thor"), Marton Csokas ("The Debt"), Jóhannes Haukur Jóhannesson ("Reykjavik-Rotterdam"), Arnar Dan, Mark Margolis ("Black Swan") e Madison Davenport ("The Possession").

"Noah" é inspirado na história de Noé, o famoso herói bíblico que "recebeu ordens de Deus para a construção de uma arca, para salvar a Criação do Dilúvio". A história de Noé encontra-se no livro de Génesis, sendo o seu nome mencionado pela primeira vez em 5:29, encerrando com sua morte, em 9:29, com 950 anos. Na Bíblia, é mostrado o arrependimento de Jeová em ter criado o homem, devido à maldade que este espalhara na Terra. Tendo em vista fazer desaparecer tudo o que tinha criado, este decide lançar um dilúvio. Porém, decide poupar Noé, por este ter agido bem, e recomenda que este faça uma arca de madeira, e abrigar, junto com a sua família, um casal de cada espécie existente. A Noé e seus descendentes coube posteriormente (a "árdua") tarefa de povoar a região.

"Noah" estreia no dia 28 de Março de 2014, nos Estados Unidos da América. Pode seguir o Rick´s Cinema no Facebook em:https://www.facebook.com/pages/Ricks-Cinema


Kristen Bell na primeira foto oficial dos bastidores do filme "Veronica Mars"

A Entertainment Weekly divulgou a primeira imagem oficial dos bastidores de "Veronica Mars", o filme que continua os eventos da famosa série homónima. A imagem centra-se em Kristen Bell, a intérprete da personagem do título.

O filme é escrito e realizado por Rob Thomas, o criador da série, e conta no elenco com Kristen Bell, Jason Dohring, Christine Lakin, Enrico Colanton, Ryan Hansen, Tina Majorino, Krysten Ritter, entre outros.

 "Veronica Mars" é uma série televisiva Norte-Americana, originalmente exibida entre, 22 de Setembro de 2004 e 22 de Maio de 2007. A série criada por Rob Thomas teve as suas duas primeiras temporadas exibidas na estação televisiva, UPN, tendo a ultima temporada sido exibida no The CW Television Network, sucessor do UPN.
  A série desenrola-se na cidade ficcional de Neptune, na California, e centra-se em Veronica Mars (Kristen Bell), uma adolescente que progride do ensino secundário até à faculdade, no desenrolar da série, à medida que vai aprimorando as suas capacidades como detective privada. A série contava ainda com um elenco secundário bastante coeso, onde constavam nomes como Enrico Colantoni como Keith Mars, o pai de Veronica Mars, também este um detective, e posteriormente Xerife; Jason Dohring como Logan Echolls, o enfant terrible, que muitas das vezes age sem pensar, indo durante vários episódios ser o interesse amoroso de Veronica Mars, entre outros personagens.

O filme de "Veronica Mars" ainda não tem uma data de estreia definida. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Duas imagens de "Curse of Chucky"

O sexto filme da franquia "Child's Play", intitulado "Curse of Chucky" ganhou as suas duas primeiras imagens oficiais. Podem visualizar as imagens no final do post (via IGN e Shock Till You Dropp).

A obra é realizada e escrita por Don Mancini, o criador da franquia, que escreveu ou co-escreveu cada um dos filmes anteriores, tendo ainda realizado "Seed of Chucky". O filme conta no elenco com Fiona Dourif ("True Blood"), A. Martinez, Danielle Bisutti ("CSI: Miami") e Brennan Elliott. Brad Dourif, mais uma vez, vai dar a voz a Chucky.

Sinopse: Nica (Fiona Dourif) está de luto por causa do terrível suicídio da sua mãe quando a sua dominadora irmã mais velha Barb (Danielle Bisutti) chega com a sua jovem família a reboque para ajudá-la a  por ordem nos assuntos da mãe. Enquanto as irmãs não concordam acerca dos planos de Nica para o futuro, a filha mais velha de Barb vai arranjando conforto num boneco ruivo sorridente chamado Chucky, que chegou misteriosamente por correio. Mas à medida que um conjunto de homicídios brutais começa a aterrorizar a vizinhança, Nica suspeita que o boneco poderá ser a chave para este banho de sangue. O que ela não sabe é que Chucky tem umas contas pessoais para ajustar. E está determinado a acabar um trabalho que começou há mais de vinte anos, e desta vez quer vê-lo acabado até a um chocante e sangrento fim.

O filme deverá sair directamente para o mercado home video. Não há ainda nenhuma data definida.


Cameron Diaz junta-se ao elenco de Annie

O Deadline noticiou que Cameron Diaz ("Bad Teacher") vai juntar-se a Jamie Foxx e Quvenzhané Wallis no elenco da nova adaptação de "Annie". Diaz vai dar vida a Miss Hannigan, a directora do orfanato onde se encontra Annie. Sandra Bullock foi recentemente ligada ao projecto.

O filme será realizado por Will Gluck ("Friends With Benefits"). O argumento do filme foi rescrito por Aline Brosh McKenna ("The Devil Wears Prada"), tendo sido inicialmente desenvolvido por Emma Thompson ("Brave").  A jovem Annie será interpretada por Quvenzhané Wallis, a Hushpuppy de "Beasts of the Southern Wild".

O remake do célebre musical da Broadway é produzido por Shawn “Jay Z” Carter, Jay Brown, James Lassiter, Jada Pinkett Smith, Will Smith e Tyran “Ty Ty” Smith. "Annie" deverá apresentar uma versão moderna da clássica personagem criada por Harold Gray, contando com músicas de hip-hop compostas por Jay-Z.

 Annie surgiu pela primeira vez nas tiras de banda desenhada "Little Orphan Annie", que geraram um sucesso considerável, tal como o espectáculo da Broadway inspirado nas mesmas. Em 1982, foi a vez de estrear a primeira adaptação cinematográfica de "Annie", tendo sido realizada por John Huston ("The Maltese Falcon"), através do argumento de Thomas Meehan e Carol Sobieski. O enredo do filme original desenrolava-se durante o período da chamada "Grande Depressão", e centrava-se numa pequena e simpática órfã, que passa uma semana na casa de um multimilionário nova-iorquino e acaba por conquistar o coração deste.

"Annie" estreia a 25 de Dezembro de 2014, nas salas de cinema norte-americanas. Podem seguir o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Clip com dois minutos de "Gru - O Maldisposto 2"

Foi divulgado um clip com dois minutos de duração de "Gru - O Maldisposto 2", um filme realizado por Chris Renaud e Pierre Coffin. Podem ver o clip no final do post.

O enredo de "Despicable Me 2" ainda é desconhecido, sabe-se apenas que Gru está de volta, bem como os Minions e as raparigas órfãs. O antagonista chama-se El Macho.

O filme é realizado por Chris Renaud e Pierre Coffin, através do argumento de Cinco Paul e Ken Daurio (dupla de argumentistas de "Despicable Me"). "Despicable Me 2" conta no elenco de vozes com Steve Carell, Kristen Wiig, Miranda Cosgrove, Russell Brand, Benjamin Bratt e Steve Coogan. A versão dobrada em português conta com as vozes de Nicolau Breyner (Gru), Rita Blanco e Joaquim de Almeida.

"Gru - O Maldisposto 2" estreia em Portugal a 4 de Julho de 2013. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Podem ler a crítica a "Gru - O Maldisposto 2" em: Resenha Crítica: "Gru o Maldisposto 2" (Meu Malvado Favorito 2)


Audrey Tautou no novo poster de "Thérèse Desqueyroux"

 Foi divulgado (via IMP Awards), um poster de "Thérèse Desqueyroux", um filme protagonizado pela nossa mui adorada Audrey Tautou ("Amélie"). O poster foi lançado para divulgar o filme no mercado norte-americano (daí o título "Thérèse") e centra-se na protagonista, interpretada por Audrey Tautou.

"Thérèse Desqueyroux" é a nova adaptação da obra literária homónima da autoria de François Mauriac. O filme é realizado por Claude Miller ("The Little Theif") e conta no elenco com Audrey Tautou, Gilles Lellouche, Anaïs Demoustier, Stanley Weber, Jérôme Thibault, entre outros.

O enredo de "Thérèse" desenrola-se em França, durante a década de 20, do Século XX. A histórica acompanha Thérèse, uma jovem sonhadora que casa com o seu vizinho Bernard Desqueyroux, juntando as vastas propriedades de ambos num vasto património. Bernard tolera o carácter forte da sua brilhante e apaixonada esposa, mas esta rapidamente sente-se sufocada pela vida na província e a mediocridade intelectual do seu marido. Thérèse sonha com Paris, com o estímulo da vida citadina, com a cultura, começando a procurar um meio para sair da vida que leva.

"Thérèse Desqueyroux" estreia em Portugal a 14 de Novembro de 2013. Podem acompanhar o Rick's Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema