31 outubro 2012

Isabel Lucas e Jim Sturgess protagonizam "Electric Side"

A Myriad Pictures anunciou que Jim Sturgess ("One Day") e Isabel Lucas ("Immortals") vão protagonizar "Electric Slide". A mesma fonte revelou que Patricia Arquette ("Medium"), Chloë Sevigny ("Lovelace") e Christopher Lambert ("Highlander") também se encontram no elenco do filme.

O enredo de "Electric Side" é inspirado na história verídica de Eddie Dodson (Sturgess), o proprietário de uma elegante loja de móveis de Los Angeles, que decide assaltar um banco para impressionar a namorada (Lucas). Aos poucos este fica viciado com a actividade criminosa, ao ponto de ficar conhecido como "The Gentleman Bandit." Dodson assaltou mais de 72 bancos num período de quatro meses.
 
"Electric Side" é escrito e realizado por Tristan Patterson ("Dragonslayer"), através do argumento do próprio. As filmagens já estão a decorrer, em Los Angeles. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Vince Vaughn transporta um terrorista em "Triple Time"

A Variety noticiou que Vince Vaughn ("The Watch") vai protagonizar "Triple Time", um thriller realizado por Peter Billingsley ("Couples Retreat"). O argumento do filme foi escrito por Billingsley e Michael J. Wilson.

O enredo de "Triple Time" centra-se no personagem interpretado por Vince Vaughn, um U.S. Marshall que tem de transportar um indivíduo acusado de terrorismo ambiental. No entanto, a viagem até Washington DC conhece um contratempo inesperado quando a dupla é alvo de um ataque, algo que conduz o protagonista a juntar-se ao acusado para descobrir o que está a acontecer.

O filme ainda não tem uma data de estreia definida. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Benedict Cumberbatch protagoniza filme sobre empresário dos Beatles

O The Hollywood Reporter noticiou que Benedict Cumberbatch ("Sherlock") vai dar vida a Brian Epstein, o lendário empresário dos Beatles, na biopic sobre este último. O filme será realizado por Paul McGuigan ("Lucky Number Slevin"), através do argumento de Todd Graff.

O enredo do filme centra-se em Brian Epstein, um empresário que foi muitas vezes chamado como "o quinto Beatle". Homossexual não assumido e viciado em jogos e drogas, o empresário foi considerado como um dos principais motivos para a união dos Beatles ter durado tanto tempo. Epstein morreu em 1967, devido a uma overdose acidental.

Tom Hanks e Gary Goetzman (da Playtone) produzem a biografia ao lado de Simon Halfon.O filme ainda não tem uma data de estreia definida. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Imogen Poots negoceia carros em "Need For Speed"

O The Hollywood Reporter noticiou que Imogen Poots ("Fright Night") vai juntar-se a Aaron Paul ("Breaking Bad") no elenco da adaptação cinematográfica do célebre jogo "Need for Speed". Poots interpreta uma negociante de carros exótica que negoceia veículos modificados para indivíduos financeiramente abastados. 

"Need for Speed" é o jogo de corridas de carros com maior sucesso a nível mundial, tendo vendido mais de 100 milhões de cópias ao redor do Mundo. O jogo foi lançado originalmente em 1994 para 3DO e logo foi um sucesso, tendo sido elaboradas conversões para a PlayStation e Computador.

O filme é realizado por Scott Waugh ("Act of Valor"), através do argumento de George Gatins, a partir de uma história inicial deste último e John Gatins. O último jogo da saga a ser lançado no mercado foi "Need for Speed: The Run", no dia 15 de Novembro de 2011 e contava com as vozes de Sean Faris e Christina Hendricks.

"Need For Speed" estreia a 7 de Fevereiro de 2014 nas salas de cinema norte-americanas. Pode seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Resenha Crítica: "Manteiga" (Butter)

  Um filme de comédia intitulado "Manteiga" exige desde o início um grande sentimento de descrença por parte do espectador. Se tivermos ainda em linha de conta que a premissa do filme se centra numa mulher na casa dos trinta anos que quer a todo o custo vencer um concurso de escultura de manteiga frente a uma rapariga de dez anos, então a situação fica ainda mais caricata. O mais estranho de toda esta situação assaz invulgar é a forma engenhosa como o realizador Jim Field Smith consegue jogar com todas as situações caricaturais e fora da realidade para desenvolver uma sátira à sociedade norte-americana capaz de despertar alguns sorrisos por parte do espectador, sobretudo a impagável personagem de Olivia Wilde, que por si só vale o preço do bilhete.
 Vamos ao que interessa. "Manteiga" não é um filme artístico como as esculturas de manteiga elaboradas pelos personagens interpretados por Ty Burrell, Jennifer Garner e Yara Shaidi, mas sim uma obra que procura pura e simplesmente divertir o espectador. Se consegue esse objectivo? Surpreendentemente, a resposta (embora com algumas reservas) é sim. Porquê? É delicioso ver todos estes personagens caricaturais, quase cartoonescos, a expressarem de forma exagerada algumas dos estereótipos dos "rednecks", numa crítica bem-humorada aos hábitos, valores e figuras do interior dos Estados Unidos da América, ao mesmo tempo que apresenta uma irreverência e humor negro que ficam paradigmaticamente representados na escultura do assassinato do Presidente John F. Kennedy. Realizado por Jim Field Smith, o mesmo do sofrível "She's Out of My League", "Butter" acompanha a história de Destiny (Shaidi), uma jovem órfã de dez anos de idade, que pulula de família em família até ficar a cargo de Julie (Alicia Silverstone) e Ethan Emmet (Rob Corddry), um casal que não pode ter filhos e decide acolher a jovem. O que estes certamente não esperavam era ter acolhido um talento inato em escultura de manteiga que promete conquistar tudo e todos no concurso de escultura de manteiga de Iowa, algo que irrita profundamente Laura, a mulher do anterior grande campeão, denominado de “Elvis da Manteiga”, que é convidado a retirar-se para dar lugar aos mais novos.
  Inconformada com a situação do marido, Laura, uma Sarah Palin em potência, decide tomar as rédeas da família e disputar o concurso, tendo que enfrentar a jovem Destiny, a pouco evoluída cerebralmente Carol-Ann Stevenson (Kristen Schaal) e a sensual Brooke (uma stripper a quem o marido deve 600 dólares devido aos serviços extra). Entre situações caricatas proporcionadas pela personagem interpretada por Jennifer Garner, momentos comoventes protagonizados por Destiny e um universo recheado de personagens caricaturais, “Manteiga” consegue a espaços esconder todo o ridículo da sua premissa e proporcionar alguns momentos de entretenimento.
 Quando pensamos em manteiga, pensamos sempre no aroma saboroso que esta dá ao pão, no tempero da comida, nas artérias que entope, mas uma das últimas aplicações que esperamos é que esta seja utilizada como um título de um filme. Com um título pouco apelativo para um filme, seja este de comédia, de terror, ou pornográfico (ok, aqui talvez tenha algum sentido), "Manteiga" não faz derreter o espectador em elogios, mas certamente promete proporcionar alguns sorrisos, alicerçados no desempenho quase caricatural do seu elenco, onde não falta uma Jennifer Garner como uma frígida mulher que é capaz de tudo para vencer o concurso de escultura de manteiga, Olivia Wilde como uma prostituta que tem tanto de louca como de sensual, Ty Burrell como um escultor de manteiga que é dominado pela esposa, Ashley Greene como a filha revoltada do personagem deste último (que protagoniza uma cena algo quente com Olivia Wilde). Esta caricatura, que pode fazer sorrir ou afastar o espectador, serve não só o propósito da sátira, do exagero elevado ao máximo do estereótipo do cidadão norte-americano do centro-oeste, mais conservador, mas também para manter o tom caricatural de "Manteiga", um tom que cai em excessos e acaba em alguns momentos por tornar a narrativa algo penosa.
  Quem está algo afastado deste universo caricatural são os personagens de Rob Corddry, Alicia Silvestorne e Yara Shaidi, um trio que enche a história de momentos de ternura, que andam entre o lamechas e o comovente, entre o tépido e o emotivo, mas sempre sem grandes rasgos de genialidade. Esta variância de tom da obra cinematográfica, ora espalhafatosa, garrida, boçal, contrasta com o tom mais contido da história do casal interpretado por Corddry e Silverston e da pequena Destiny, uma jovem afro-americana que tarda em encontrar alguma estabilidade na sua vida. Esboçando uma tentativa de procurar expor a problemática relacionada com estas crianças e a dificuldade em encontrarem um casal que as adopte, o filme logo descamba invariavelmente para o exagero, para a sátira, para o humor histriónico.
 Uma narrativa que gira em volta de um concurso de escultura de manteiga, uma actividade que parece ter alguma aderência em certas zonas dos Estados Unidos da América, exige desde o início um sentimento de descrença por parte do espectador, ou não fosse uma temática algo caricata, quase a roçar o ridículo. Apesar de todos esses problemas, “Manteiga”consegue surpreender pela caricatura mordaz que efectua a alguns grupos da sociedade norte-americana, exagerando os seus estereótipo, apresentando quase toda a população como se fosse oriunda de um freak show, uma sátira alicerçada num bom desempenho do elenco, no qual sobressai uma Olivia Wilde simplesmente hilariante, ao interpretar uma personagem que é o paradigma deste filme: exagerado, vulgar, mas com algum charme.
  O mais provável é que não saia derretido da sala de cinema, com esta comédia satírica que usa e abusa do tom excessivamente caricatural para exacerbar as situações nas quais se envolvem os personagens, uma comédia que conta com um argumento que escorrega como se fosse manteiga, mas é capaz de surpreender nos momentos mais inesperados e, pasme-se, fazer rir.

Classificação: 2.5 (em 5)
Ficha técnica:
Título Original: “Butter”.
Título em Portugal: “Manteiga”.
Título no Brasil: “Butter.
Realizador: Jim Field Smith.
Guião: Jason A. Micallef.
Elenco: Jennifer Garner, Olivia Wilde, Ashley Greene, Ty Burrell, Hugh Jackman, Alicia Silverstone, Rob Corddry, Yara Shaidi, Kristen Schaal.

"The Hobbit: An Unexpected Journey" - Veja o mais recente anúncio televisivo

Foi divulgado (via Coming Soon) um novo anúncio televisivo de "The Hobbit: An Unexpected Journey". Podem ver o anúncio no final do post.

"The Hobbit: An Unexpected Journey" é realizado por Peter Jackson (trilogia "O Senhor dos Anéis"), através do argumento da autoria do próprio em colaboração com Fran Walsh, Philippa Boyens e Guillermo del Toro. O filme conta no elenco com Ian McKellen, Martin Freeman, Cate Blanchett, Orlando Bloom, Ian Holm, Christopher Lee, Hugo Weaving, Elijah Wood, Evangeline Lilly, Andy Serkis, Richard Armitage, John Bell, Jed Brophy, Adam Brown, John Callen, Luke Evans, Stephen Fry, entre outros.

O enredo da trilogia de "O Hobbit" é inspirado no livro homónimo escrito por J. R. R. Tolkien, publicado em 21 de Setembro de 1937, cuja narrativa antecede a história contada na série "O Senhor dos Anéis" em 60 anos, tempo em que Bilbo fica com o anel até o retorno de Sauron, "o senhor das trevas". "The Hobbit" conta a história de um hobbit chamado Bilbo Baggins, que nunca pensara em sair de sua toca grande e confortável, até ser apanhado de surpresa por um mago chamado Gandalf e 13 anões (Dwalin, Balin, Kili, Fili, Dori, Nori, Ori, Oin, Gloin, Bifur, Bofur, Bombur e Thorin Escudo-de-Carvalho). Estes queriam recuperar os seus tesouros, que tinham sido roubados por um dragão chamado Smaug. Assim, estes saem em busca da Montanha Solitária com o objectivo de recuperar o que lhes pertence, vivendo muitas aventuras durante todo caminho, que envolvem aranhas gigantes, elfos, trolls e outros seres fantásticos, incluindo Gollum.

"The Hobbit: An Unexpected Journey" estreia no dia 14 de Dezembro de 2012. "O Hobbit: Uma Viagem Inesperada" estreia em Portugal no dia 13 de Dezembro de 2012. Pode ler mais sobre "The Hobbit", no seguinte link: http://bogiecinema.blogspot.com/2011/12/primeiro-trailer-e-poster-de-hobbit.html


Gareth Evans, Jason Eisener e companhia realizam segmentos de "V/H/S 2"

O The Hollywood Reporter revelou que a sequela de "V/H/S" já está a ser desenvolvida. A mesma fonte adianta que Jason Eisener ("Hobo with a Shotgun"), Gareth Evans ("The Raid"), Eduardo Sanchez ("The Blair Witch Project"), Timo Tjahjanto ("Macabre"), Adam Wingard ("You're Next"), bem como os estreantes Gregg Hale (produtor de "The Blair Witch Project" e Simon Barrett (argumentista de "VHS") vão realizar alguns dos segmentos de "V/H/S 2".

"V/H/S" foi lançado originalmente a 5 de Outubro de 2012. O filme contou com segmentos realizados por Ti West , Joe Swanberg, Radio Silence, David Bruckner, Adam Wingard e Glenn McQuaid, entre outros. O enredo de "V/H/S" centra-se num grupo de criminosos que foram contratados para encontrar uma misteriosa VHS, que encontra-se no interior de uma casa assombrada. Durante a busca, os elementos do grupo são confrontados com um corpo morto, um conjunto de antigas televisões e um inacreditável número de cassetes de vídeo, que contêm conteúdos estranhos e inexplicáveis.


As filmagens de "V/H/S 2" vão decorrer em  Los Angeles, Maryland, Nova Scotia, British Columbia e Indonésia. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Mark Strong junta-se a Nicole Kidman no elenco de "Before I Go to Sleep"

A Variety revelou que Mark Strong ("Zero Dark Thirty") vai juntar-se a Nicole Kidman ("Stoker") no elenco de "Before I Go to Sleep", o novo filme realizado por Rowan Joffe ("Brighton Rock").  Strong interpreta o médico da personagem interpretada por Kidman.

O argumento de "Before I Go to Sleep" é baseado no livro homónimo da autoria de Steve Watson e acompanha a história de Christine, uma escritora de quarenta e sete anos de idade, que é incapaz de manter as memórias mais do que um dia, devido a ter sofrido um acidente quando tinha vinte e poucos anos de idade. Encurralada numa existência na qual ainda acredita ser jovem e solteira, com uma vida inteira pela frente para gozar, esta acaba por descobrir que é casada com Ben, para além de já não ser tão jovem quanto pensava.
  O livro procura mostrar as constantes tentativas de Christine em atribuir algum sentido à sua vida e como estas acabam quase sempre por sair frustradas. Na tentativa de procurar reverter esta sua condição, Christine procura a ajuda de um médico, que a aconselha a ter um diário onde possa escrever as novas recordações que vai adquirindo, de forma a poder tentar lembrar-se das mesmas.

As filmagens de "Before I Go to Sleep" começam em Fevereiro de 2013, em Londres. 

Christoph Waltz careca no set de "The Zero Theorem"

O utilizador do Twitter, Lyonsphillip (via Omelete) publicou uma imagem que mostra o visual de Christoph Waltz, no set de filmagens de "The Zero Theorem", o novo filme realizado por Terry Gilliam. Waltz interpreta protagonista do filme, Qohen Leth.

O enredo de "The Zero Theorem" desenrola-se num Mundo corporativo à imagem de "1984", de George Orwell, onde homens com câmaras funcionam como os olhos de uma figura sombria conhecida como "Management". Qohen Leth (Waltz) trabalha para conseguir resolver um estranho teorema, enquanto vive enclausurado como um monge virtual no interior de uma capela destruída por um incêndio. O seu trabalho e isolamento são esporadicamente interrompidos pelas visitas de Bainsley, o seu interesse amoroso que tenta-o com sexo virtual, e Bob. Este último é o filho adolescente de "Management", um indivíduo que combina uma relação cómico-insultuosa com o Qohen, que rapidamente desenvolve-se numa amizade verdadeira, enquanto procuram resolver o teorema. Porém, estas visitas não são completamente inocentes, tendo sido orquestradas por "Management" para controlar os progressos do protagonista. Bob cria um fato especial que permite a Qohen aventurar-se numa viagem interior, um encontro em direcção às suas dimensões interiores e à verdade no interior da sua alma, onde vivem as respostas para aquilo que este e "Management" procuram.  O fato vai suportar a tecnologia informática e providenciar um inventário sobre a alma de Qohen e provar ou não o Teorema Zero.

"The Zero Theorem" será realizado por Terry Gilliam ("The Imaginarium of Doctor Parnassus"), através do argumento de Pat Rushin. Para além dos nomes anunciados, o filme conta ainda no elenco com David Thewlis ("War Horse"), Mélanie Thierry ("Babylon A.D."), Tilda Swinton ("Moonrise Kingdom"), Christopher Waltz ("Django Unchained"), Peter Stormare ("Fargo"), Sanjeev Bhaskar ("It's a Wonderful Afterlife"), Matt Damon ("Promised Land") e Ben Whishaw ("Skyfall").

"The Zero Theorem" ainda não tem uma data de estreia definida.  Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Resenha Crítica: "A Moral Conjugal"

  Entre reviravoltas, situações inusitadas, silêncios constrangedores e momentos de tensão, "A Moral Conjugal", o novo filme de Artur Serra Araújo, procura transportar o espectador para o interior de uma sátira sobre a "moral", ou falta desta, que envolve uma relação conjugal, através de uma mulher que tem a tendência para envolver-se com homens muito peculiares.
 Esta mulher é Manuela (São José Correia), uma promotora de produtos farmacêuticos que gosta de manter os seus casos extraconjugais, embora saiba do perigo em que esta situação lhe faz incorrer, devido à natureza violenta de Abel (José Wallenstein), um médico que pertence a uma célula terrorista espanhola. Um dos casos extraconjugais que Manuela decide iniciar é com Octávio (Dinarte Branco), um médico pouco falador que sofre de problemas de ansiedade e de claros distúrbios mentais. Sensual, provocadora, irresistível, Manuela cedo provoca o desejo em Octávio, mas o feitio claramente perturbado deste logo conduzem a trágicos eventos que colocam a vida de Manuela, da sua bela irmã e de todos os que a acompanham em perigo.
 Composto por um elenco de bom nível, "A Moral Conjugal" procura efectuar uma sátira corrosiva a uma relação conjugal, ao acompanhar uma mulher fatal que procura fazer de tudo para manter as aparências da sua boa moral, em grande parte devido a ter consciência de que o seu namorado é capaz de tudo para defender a "moral conjugal". Sem emocionar particularmente o espectador, "A Moral Conjugal" procura manter a fluidez narrativa através das várias reviravoltas e situações caricatas, destacando-se pela simplicidade do argumento e pela mordacidade atribuída à narrativa pelos diálogos e pela banda sonora, enquanto São José Correia, José Wallenstein e Catarina Wallenstein apresentam desempenhos deliciosos que elevam a narrativa da mediania.
 Salientar o elenco de bom nível é também realçar o magnífico trabalho de São José Correia. Esta é a alma para a narrativa funcionar. Sensual, atrevida, irónica, a sua personagem é uma mulher fatal que se sente atraída por todos os perigos, acabando por se envolver numa situação inusitada, onde arrasta a sua irmã (Catarina Wallenstein), a sua família e a si própria para o abismo. Esta forma um par peculiar com José Wallenstein, um actor capaz de dizer muito apenas com a sua expressão corporal, conseguindo atribuir uma enorme credibilidade ao seu personagem, mesmo quando este se encontra em cenas algo surreais e descontextualizadas da restante narrativa. A juntar a este dueto temos ainda a boa interpretação de Catarina Wallenstein como a irmã de Manuela, uma jovem belíssima, que desenvolve uma certa tensão sexual com Abel (uma situação que o argumento não explora, mas fica subliminarmente entendido), uma personagem que atrai o namorado da irmã e que é impossível deixar o espectador indiferente.
 Se o elenco apresenta um desempenho muito interessante (importa não esquecer também Dinarte Branco), o mesmo não se pode dizer do argumento e da fluidez narrativa, dependendo muito dos twists e de situações algo caricatas para manter o interesse numa história onde os silêncios constrangedores dos personagens tornam-se por vezes igualmente duros de ver para o espectador, com a narrativa a apresentar um tom demasiado seco para conseguir emocionar, gerando esporadicamente a indiferença às situações apresentadas pelo filme.
  Depois de ter obtido algum sucesso com "Suicídio Encomendado", Artur Serra Araújo regressa às salas de cinema com uma longa-metragem bem construída, que se destaca pela simplicidade do argumento, o magnífico desempenho dos actores, mas também um bom trabalho com a câmara de filmar, nomeadamente, a forma exímia da utilização dos ângulos e movimentos de câmara e pela criatividade colocada em muitas das situações apresentadas ao longo da narrativa, enquanto um casal se debate com problemas relacionados com a "moral conjugal" e com um morto que promete trazer muitas complicações.
Manter uma relação conjugal pode ser algo complicado, sobretudo quando os envolvidos são uma mulher fatal que gosta de seduzir e ser seduzida e um elemento de uma célula terrorista espanhola. Através deste casal muito peculiar, "A Moral Conjugal" efectua uma sátira corrosiva às relações amorosas e à nossa sociedade, uma defesa pela vida das lagostas, enquanto transporta o espectador para uma comédia negra, onde não falta drama, muita tensão, e uma São José Correia em grande nível.


Classificação: 3 (em 5)

Título original: “A Moral Conjugal”
Realizador: Artur Serra Araújo.
Argumentista: Artur Serra Araújo.
Elenco: São José Correia, José Wallenstein, Catarina Wallenstein, Maria João Bastos, Dinarte Branco.

Resenha Crítica: "Dos Homens Sem Lei" (Lawless)

  A certa altura de "Dos Homens Sem Lei", Forrest, o personagem interpretado por Tom Hardy, salienta que os Bondurant não têm de "curvar-se perante ninguém”. Estas palavras representam bem o comportamento dos três irmãos Bondurant, um trio de foras-da-lei que promete dificultar a vida a todos aqueles que se colocarem no seu caminho, um grupo violento, com um comportamento praticamente nihilista, que obedece apenas às suas próprias regras. Inspirado na história real dos irmãos Bondurant, em particular no livro "The Wettest County in the World", "Dos Homens Sem Lei" não poupa pormenores ao expor de forma exacerbada a violência entre os gangs durante a lei seca, um período onde esta lei era ignorada por tudo e por todos, um tempo onde um grupo de gangsters enriquecia graças ao contrabando de álcool, onde nomes como Al Capone eram elevados ao estatuto quase de celebridades.
 Esqueça os fatos caros e o glamour habitualmente visto nos filmes sobre os gangsters dos anos 20/30, tais como o mediático "Os Intocáveis", pois "Lawless" tem como celebridades os irmãos Bondurant, um grupo pouco letrado e violento, que tem nos punhos a sua maior capacidade negocial, enquanto conquistam o estatuto de lendas "invencíveis" na Virginia, no Condado de Franklin, um local que parece saído de um western, onde a lei e a ordem parecem estar corrompidas perante os interesses instalados. Esse estatuto surge em grande parte graças a Forrest Bondurant, o líder do grupo. Pouco falador, violento, implacável, Forrest lidera o trio, formado ainda por Howard (Jason Clarke), um criminoso beberrão que bate primeiro e pensa depois, e o imprudente Jack (Shia LaBeouf), um jovem com sérios problemas em disparar uma arma, que idolatra Floyd Banner (Gary Oldman).
  O quotidiano dos Bondurant muda com a chegada do agente corrupto Charlie Rakes (Guy Pearce), um indivíduo que procura controlar o mercado de tráfico de bebidas alcoólicas do Condado de Franklin, mas acaba de bater de frente contra os irmãos Bondurant, um grupo que parece não ter medo de nada nem ninguém, um grupo cujas lendas em redor das suas pessoas leva a que se sintam invencíveis, mesmo quando o seu líder é baleado e tem a garganta cortada. Ao mesmo tempo que lidam com a crescente dureza em relação ao tráfico de álcool começa a sentir-se nos corpos dos seus intervenientes, ao mesmo tempo que Forrest lida com a chegada da bela Maggie para trabalhar no bar dos Bondurant, Jack procura ser um gangster como nos filmes e Rakes revela ser um mafioso do pior.
  Violento, tenso, por vezes melancólico, "Lawless" concentra as suas atenções no trio de irmãos Bondurant, um grupo violento de foras da lei, que parecem invencíveis contra todos os perigos, enquanto John Hillcoat desenvolve um trabalho algo irregular, que nunca consegue atingir o estatuto épico a que se propõe. Inspirado no livro "The Wettest County in the World", de Matt Bondurant, o filme não poupa na violência extrema e nos banhos de sangue, enquanto exibe um período da história norte-americana no qual os gangsters granjeavam um estatuto semelhante a estrelas (algo que visível pela procura do personagem de Shia LaBeouf em tentar emular os gangsters como Al Capone), onde as forças da lei apresentavam uma forte promiscuidade, algo que permitiu a proliferação de indivíduos como os Bondurant. 
 O grupo de protagonistas de "Lawless" está bem distinto do estatuto de gangsters como Al Capone, ou dos que figuram na maior parte dos filmes de gangsters, algo notório pela figura do seu líder, um indivíduo pouco falador, soturno, cuja pouca habilidade para a oratória é dicotómica da sua capacidade de dar pancada e liderar os seus irmãos, tendo em Tom Hardy um intérprete à altura ao conceder ao seu personagem uma grande intensidade, uma dimensão que claramente se distingue dos demais elementos do elenco, que encontra em Jason Clarke o elo mais fraco (o seu personagem surge quase exclusivamente representado como um alcoólico). Se Hardy apresenta uma interpretação a confirmar o seu enorme talento, Guy Pearce surge como um antagonista que adoramos odiar, um homem odioso, violento, psicopata, que se distingue claramente dos restantes, um individuo que é o paradigma dos personagens exagerados que povoam a narrativa, um exagero que se traduz nas suas personalidades, formas de agir, de sentir.
Ao longo da crítica podem ter reparado que a palavra violência foi longamente repetida. Esta situação deve-se a algo muito específico. John Hillcoat não poupa na pancadaria, nos tiroteios, no sangue, violações, provocando muitas das vezes o choque no espectador, numa procura clara em demonstrar o clima violento onde estes homens e mulheres habitam, uma violência que em última análise procura encontrar a paz, ao mesmo tempo que o caos e a desordem parecem encontrar resolução pelo caminho mais violento. No meio desta violência, brutal, incomodativa, reordenadora, estes personagens encontram ainda espaço para amar, nomeadamente o jovem galanteador Jack, que vê na bela Bertha Minnix uma paixão que lhe aquece o coração, ao contrário de Forrest, que descobre o amor de forma casual e divertida na figura da sofrida Maggie (Jessica Chastain).
  Com um bom trabalho a nível de guarda-roupa e da decoração dos cenários (visível na procura de exibir vários elementos de época, incluindo tabuletas segregacionistas), “Lawless” tem as suas maiores forças no elenco competente, no humor negro e no facto ser esteticamente bem elaborado, mas perde-se nas suas fraquezas, nomeadamente uma violência excessiva (e incomodativa), vários clichés do género e uma narrativa que é demasiado pobre para a sua duração. Entre boas interpretações, um trabalho adequado a nível de cenários e guarda-roupa, “Lawless” perde-se na sua violência extrema, contando com um Tom Hardy com um físico à Bane para abanar com uma história por vezes demasiado simplista, na qual os valores familiares, de amizade, sentido de justiça aparecem exacerbados, mas nem sempre bem desenvolvidos. O período compreendido entre 28 de Outubro de 1919 e 22 de Março de 1933 tem inspirado várias obras cinematográficas. Desde “The Roaring Twenties”, “The Public Enemy”, “Scarface”, vários foram os filmes que apresentaram narrativas inspiradas nos gangsters que povoavam este período. Sem a graciosidade e engenho dos filmes anteriormente citados, “Lawless” mescla a lenda sobre os irmãos Bondurant com uma representação duríssima do período da lei seca, uma obra onde a violência exacerbada esconde uma narrativa limitada, mas filmada com grande estilo.

Classificação: 3.5 (em 5)


Ficha técnica:
Título Original: “Lawless”.
Título em Portugal: “Dos Homens Sem Lei”.
Título no Brasil: “Os Infratores”.
Realizador: John Hillcoat.
Guião: Nick Cave.
Elenco: Jessica Chastain, Shia LaBeouf,, Tom Hardy, Dane DeHaan, Gary Oldman, Guy Pearce, Mia Wasikowska, Jason Clarke.

Estreias da Semana - 1 de Novembro de 2012

Boa tarde caros leitores e leitoras do Rick´s Cinema. Hoje é Quarta-Feira, ou seja, dia do post das estreias da semana, desta vez escrito por este blogger. Esta semana as estreias surgem marcadas por uma enorme quantidade (sete estreias) e diversidade, ou não tivéssemos em estreia filmes de terror como "Atividade Paranormal 4", as comédias "Butter" e "A Moral Conjugal", os documentários "César Deve Morrer" e "Shut up and Play the Hits", o drama "The Words" e o filme mais popular da semana, "Dos Homens Sem Lei". Destes apenas não teremos crítica a "Atividade Paranormal 4", por isso fiquem atentos.

O primeiro destaque da semana vai para "César Deve Morrer", o premiado documentário realizado pelos irmãos Paolo e Vittorio Taviani. "César Deve Morrer" (Cesare Deve Morire) é um documentário dramático italiano, que tem recebido elogio de crítica, tendo recentemente vencido o Urso de Ouro no Festival de Berlim (2012) e sido eleito como o candidato italiano para o Óscar de Melhor Filme Estrangeiro.

Com um vasto currículo, onde constam obras como "I fuorilegge del matrimonio" (1963), "Padre padrone" (1977), "Good Morning, Babylon" (1987), "Fiorile" (1993), entre muitas outras,  os irmãos Taviani têm em "César Deve Morrer" um documentário que apresenta uma reactualização da peça "Júlio César", de William Shakespeare, criada a partir do encontro entre os presos da cadeia de alta segurança Rebibbia, em Roma.

Podem ler a crítica a "César Deve Morrer" no seguinte link: http://bogiecinema.blogspot.pt/2012/10/resenha-critica-cesar-deve-morrer.html

Trailer de "César Deve Morrer":



O segundo destaque da semana vai para "Dos Homens Sem Lei", a quinta longa-metragem realizada por John Hillcoat, um cineasta que conta no currículo com filmes como "Ghosts... of the Civil Dead" (1988); "To Have & to Hold" (1996); "The Proposition" (2005), "The Road" (2009), entre outros. O argumento adaptado ficou a cargo de Nick Cave.  "Lawless" conta no elenco com Jessica Chastain ("The Debt"), Shia LaBeouf ("Transformers: Dark of the Moon"), Tom Hardy ("Inception") e Dane DeHaan ("True Blood"), Gary Oldman ("The Dark Knight"), Guy Pearce ("Memento"), Mia Wasikowska ("The Kids are All Right") e Jason Clarke ("Public Enemies"). 

O enredo de "Lawless" é inspirado no livro "The Wettest County in the World" da autoria de Matt Bondurant. A obra literária acompanha os irmãos Bondurant, dois membros de uma quadrilha que opera no sub-mundo do crime, nomeadamente, no tráfico de bebidas alcoólicas, nos Estados Unidos, durante o célebre período da lei seca. O autor inspirou-se em histórias reais, nomeadamente no avô e nos irmãos deste familiar, que formaram um gang que operava no sub-mundo do crime, nomeadamente na venda ilegal de bebidas alcoólicas.

Crítica a "Dos Homens Sem Lei": http://bogiecinema.blogspot.pt/2012/10/resenha-critica-dos-homens-sem-lei.html

 Fiquem agora com o trailer de "Dos Homens Sem Lei":




O terceiro destaque da semana vai para "As Palavras", um filme realizado pelos estreantes Brian Klugman e Lee Sternthal, através do argumento dos próprios. "The Words" conta no elenco com Dennis Quaid como Clay Hammond, John Hannah como Richard Ford, Jeremy Irons como "The Old Man", Bradley Cooper como Rory Jansen, Zoe Saldana como Dora Jansen, Vito DeFilippo como o porteiro, Michael McKean como Nelson Wylie, J.K. Simmons como Mr. Jansen.

O enredo de "The Words" centra-se em Rory Jansen (Cooper) um aspirante a escritor que publica a obra de outro autor como sua, mas o preço a pagar é muito maior do que alguma vez imaginou.

"The Words" terá direito a uma crítica (também da minha autoria) que será publicada nas próximas horas. Trailer de "As Palavras":




O quarto destaque vai para "Shut Up and Play the Hits - O Fim dos LCD Soundsystem", um documentário realizado por Will Lovelace e Dylan Southern, que acompanha James Murphy, o líder do LCD Soundsystem, durante 48 horas, nomeadamente, entre os preparativos do último concerto da banda, no Madison Square Garden, até à manhã seguinte.

O filme estreou a 18 de de Julho de 2012, nos Estados Unidos da América, tendo passado um pouco despercebido por parte do grande público.

Podem ler a crítica a "Shut Up and Play the Hits - O Fim dos LCD Soundsystem" no seguinte link: http://bogiecinema.blogspot.pt/2012/10/resenha-critica-shut-up-and-play-hits-o.html

Trailer de "Shut Up and Play the Hits":




O quinto destaque da semana vai para "A Moral Conjugal", a mais recente longa-metragem realizada por Artur Serra Araújo, um cineasta que conta no currículo com as curtas metragens "Uma Comédia Infeliz", "Frio", "Desenvergonhadamente Real", bem como "Suicidio Encomendado", uma longa-metragem que valeu-lhe o prémio especial do júri do Fantasporto 2007. "A Moral Conjugal" estreou a Fevereiro de 2012 no Fantasporto, tendo conquistado o prémio especial do júri.

O filme conta com um elenco recheado de caras conhecidas do grande público, entre os quais, José Wallenstein, Catarina Wallenstein, Dinarte Branco, São José Correia e Maria João Bastos (num papel muito secundário). 

Sinopse (Página Oficial): Manuela (São José Correia) é uma sensual delegada de propaganda médica. Vive habituada a trilhar os caminhos da infidelidade, envolvendo-se inconsequentemente com médicos. Suspensa entre o sonho de um grande amor e uma vida de conforto, oscila num limbo entre um homem que tem ataques de pânico (Dinarte Branco) cada vez que se apaixona e um terrorista romântico (José Wallenstein) que jamais perdoará uma traição. Entre o impulso adultero e a transparência da dependência emocional, Manuela expõe-se? Numa escalada de ansiedade, mentira e criatividade vai tentar evitar desesperadamente as consequências conjugais.

Crítica a "A Moral Conjugal": http://bogiecinema.blogspot.pt/2012/10/resenha-critica-moral-conjugal_31.html

Trailer de "A Moral Conjugal":




O sexto destaque vai para "Manteiga", um filme realizado por Jim Field Smith ("She's Out of My League"), através do argumento de Jason Micallef. "Butter" conta no elenco principal com Jennifer Garner, Kate Hudson, Ashley Greene, Hugh Jackman, Olivia Wilde, Alicia Silverston, Ty Burrell, Rob Corddry e Yara Shahidi.

Sinopse (via Take Cinema Magazine): MANTEIGA, de Jim Smith Field, é uma irreverente e irónica comédia sobre a vida e cultura americana. Laura Pickler (Jennifer Garner), esposa de Bob Pickler (Ty Burrell), o histórico campeão de esculturas de manteiga do Iowa, tem gozado, durante 15 anos, do destaque de ser a bonita e leal companheira do campeão estadual. Mas quando Bob é pressionado a retirar-se para dar hipótese de glória a outra pessoa, Laura fica indignada por perder o seu prestígio e decide entrar na competição.
 Apesar de ser a primeira a inscrever-se, vê as suas hipóteses de vitória caírem por terra com a chegada de um candidato improvável mas formidável: Destiny, uma rapariga de 10 anos (Yara Shahidi), filha adotiva do casal Julie e Ethan (Alicia Silverstone e Rob Corddry). Mas não é tudo. Brooke (Olivia Wilde), uma stripper e pretendente a amante de Bob, entra igualmente na competição, acompanhada pela sua fã nº1, Carol-Ann (Kristen Schaal).
 Obrigada a enfrentar três adversários, ridicularizada pela sua enteada Kaitlen (Ashley Greene) e furiosa com o marido, Laura resolve fazer tudo o que for preciso para ganhar. Mesmo que isso signifique recorrer à sabotagem e recrutar o seu estúpido ex-namorado Boyd (Hugh Jackman) como co-conspirador.

Trailer de "Manteiga":




O sétimo destaque da semana vai para "Atividade Paranormal 4", o único filme que não vai ter direito a crítica no Rick´s Cinema, em grande parte por não agradar a nenhum destes bloggers (aceitam-se críticas externas com qualidade).

"Atividade Paranormal 4" foi realizado por Henry Joost e Ariel Schulman ("Paranormal Activity 3"),  através do argumento de Zack Estrin. O filme conta no elenco com Katie Featherston, Kathryn Newton, Matt Shively, Brady Allen, entre outros. 

Sinopse (via Take Cinema Magazine): Passados cinco anos do desaparecimento de Katie e Hunter, uma família suburbana começa a testemunhar estranhos acontecimentos quando uma mulher e o seu misterioso filho se mudam para o bairro.

Trailer de "Atividade Paranormal 4":


John Cusack protagoniza "Cell"

O Screen Daily noticiou que John Cusack ("1408") vai protagonizar "Cell", uma adaptação da obra literária homónima da autoria de Stephen King. O filme é produzido por Richard Saperstein, Brian Witten e Shara Kay. O argumento de "Cell" está a cargo de King e Adam Alleca.

O livro foi publicado em Portugal com o título "Cell - Chamada Para a Morte" e tem a seguinte sinopse (Bertrand): Não é à toa que cell (telemóvel) rima com hell (inferno)... Um de Outubro. Está uma tarde soalheira e Clayton Rydell caminha alegremente pela Boylston Street em Boston. A vida corre-lhe bem: acabou de assinar um contrato para a criação de um livro de banda desenhada. No entanto, tudo vai mudar muito rapidamente, quando uma explosão de energia transforma em máquinas assassinas todos aqueles que naquele preciso instante tinham um telemóvel encostado ao ouvido.

"Cell" ainda não tem uma data de estreia definida. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: 

Filmagens de "Ghostbusters 3" podem ser adiadas devido a problemas na Sony

As filmagens de "Ghostbusters 3" podem vir a ser adiadas. De acordo com o The Hollywood Reporter, a Sony só vai dar luz verde a novos projetos quando o ano fiscal estiver encerrado, nomeadamente, a 31 de Março de 2013. Assim, qualquer decisão relacionada com "Ghostbusters 3", apenas será tomada depois de abril. A mesma fonte adianta que esta situação impede que as filmagens comecem entre Junho/Julho. Caso o projecto receba luz verde, o início das filmagens ficará para Setembro/Novembro.

Numa entrevista recente, Dan Akroyd mencionou que o argumento do filme deverá centrar-se numa nova geração de caça-fantasmas, fazendo ainda uma abordagem às personagens originais da saga: «A minha personagem, o Ray, é agora cega de um olho e não consegue conduzir o cadillac. Tem problemas com o joelho e não consegue carregar pesos... o Egon é demasiado grande para caber no arnês. Precisamos de sangue novo e é essa a promessa. Vamos dar lugar a uma nova geração.»

Etan Cohen foi recentemente contratado para reescrever o argumento do filme, a partir de um rascunho de Gene Stupnitsky e Lee Eisenberg. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Trailer de "Despicable Me 2"

A Universal Pictures divulgou um trailer de "Despicable Me 2", a sequela do bem sucedido "Gru, o Mal Disposto". Podem ver o trailer no seguinte link: iTunes.

O enredo de "Despicable Me 2" ainda é desconhecido, sabe-se apenas que os personagens principais do primeiro filme (e os actores que lhes emprestam as vozes), estarão de volta para a sequela.

O filme é realizado por Chris Renaud e Pierre Coffin, através do argumento de Cinco Paul e Ken Duario (dupla de argumentistas de "Despicable Me"). "Despicable Me 2" conta no elenco de vozes com Steve Carell, Kristen Wiig, Miranda Cosgrove, Russell Brand, Al Pacino e Steve Coogan.

Para lerem uma resenha crítica que H.Barcelos efectuou a "Despicable Me", podem carregar aqui. "Despicable Me 2" estreia no dia 3 de Julho de 2013, nas salas de cinema norte-americanas.

Arte promocional de "The Woman in Black: Angel of Death"

O ShockTillYouDrop. divulgou uma arte promocional de "The Woman in Black: Angel of Death", a sequela de The Woman in Black". O filme é realizado por Tom Harper ("The Scouting Book for Boys", "The Borrowers"), através do argumento de Jon Crocker ("Desert Dancer").

"The Woman in Black: Angels of Death" tem a seguinte sinopse:


 Confiscada pelo governo e convertida num hospício para militares durante a II Guerra Mundial, a súbita chegada dos soldados com distúrbios mentais à célebre casa Eel Marsh Harsh desperta o seu mais obscuro habitante. Eve, uma jovem e bela enfermeira, é enviada para tomar conta dos pacientes mas cedo descobre que terá de salva-los de algo mais perigoso do que o demónios interiores destes. Apesar dos esforços de Eve, um a um, os soldados são vítimas da Mulher de Negro.

O filme ainda não tem uma data de estreia definida. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

"Oz: The Great and Powerful" ganha nova arte promocional

A Walt Disney Pictures divulgou uma nova arte promocional de "Oz The Great and Powerful", o prelúdio da história de "O Feiticeiro de Oz", realizado por Sam Raimi. "Oz The Great and Powerful" estreia no dia 8 de Março de 2013, nas salas de Cinema Norte-Americanas.

"Oz The Great and Powerful" acompanha a história de Oscar Diggs (James Franco), um mágico de um pequeno circo com uma ética duvidosa, que é lançado do árido Kansas para a vibrante Terra de Oz, onde todos julgam que este é um grande feiticeiro. Diggs pensa que saiu-lhe a sorte grande, até conhecer as bruxas Theodora (Mila Kunis), Evanora (Rachel Weisz) e Glinda (Michelle Williams), que não estão assim tão convencidas de que este seja o grande feiticeiro que todos esperam. Lançado no meio dos problemas de Oz e dos seus habitantes, Oscar terá de descobrir rapidamente quem é bom e quem é mau nesta terra, antes que seja tarde demais, indo aos poucos transformar-se naquilo que todos esperavam que ele fosse: o grande feiticeiro de Oz.

O filme é realizado por Sam Raimi (trilogia "Spider-Man"), através do guião de Mitchell Kapner e David Lindsay-Abaire. "Oz The Great and Powerful" conta no elenco com James Franco, Mila Kunis, Rachel Weisz, Michelle Williams, Zach Braff, Joey King e Bruce Campbell.



Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Dia 31 de Outubro de 2012 é dia de "Phantasticus!II Festival Internacional de Artes e Cinema"

O dia 31 de Outubro de 2012 é marcado pela segunda edição do "Phantasticus!II Festival Internacional de Artes e Cinema". É verdade, o espaço do Cine Incrível em Almada volta a receber este festival marcado por muita música, filmes de terror e actividades paralelas, um evento que promete momentos únicos aos presentes e colocar Almada na rota dos festivais.

Tendo em conta toda a programação que está em cartaz, é legítimo esperar que a segunda edição do "Phantasticus!" venha a superar o sucesso do primeiro ano e que se consagre como um festival de referência a nível nacional levando ao Cine Incrível, em Almada, um cartaz mais forte e distribuído por quatro dias, marcado por uma qualidade acima da média.

Entre os dias 31 de Outubro a 3 de Novembro é possível contar com a exibição de sete longas-metragens de terror, entre as quais se destaca o clássico a não perder 'Das Kabinett Des Doktor Caligari' de Robert Wiene (2 de Novembro às 21h30), mas também 'Shivers' de David Cronenberg (outro dos filmes recomendados). Entre a programação cinematográfica encontra-se ainda 'Les Yeux Sans Visage' de Georges Franju, 'The Dentist' de Brian Yuzna, 'City of the Living Dead' de Lucio Fulci, 'Killer Condom' de Martin Waltz, 'Black Sheep' de Jonathan King. Por fim, mas nem por isso menos importante, temos ainda uma edição especial do ShortCutz, que conta com seis curtas-metragens portuguesas. 

O programa do festival não fica por aqui. Ao longo dos quatro dias o "Phantasticus! Festival Internacional de Artes e Cinema" conta com a presença de bandas musicais como Bizarra Locomotiva, Miss Lava, Dead Combo, Capitão Fantasma, entre outros. O festival conta ainda com o Workshop caracterização e make-up effects da Sin Colour. 

O objectivo do festival passa por "consolidar este festival como um festival de referência a nível nacional dentro do seu género. As principais novidades são essencialmente um programa mais cuidado e equilibrado durante os 4 dias do festival. O ano passado o festival centrou-se muito no concerto de Moonspell, que decorreu no último dos 3 dias, enquanto que este ano temos diversos pontos fortes ao longo de todo o festival".


31 de Outubro:
- Workshop caracterização e make-up effects (info e inscrições com a empresa Sincolour)
- Filme: "Shivers", de David Cronenberg - 21h30.
- Banda: Bizarra Locomotiva (concerto especial de Halloween)

- Banda: Ninja Kore.

1 de Novembro:
- Filme: "Les Yeux Sans Visage", de Georges Franju - 17h30.

- Filme: "The Dentist", de Brian Yuzna - 19h00
- Shortcutz Lisboa (edição especial do ShortCutz com mostra de seis curtas-metragens) - 21h30.
- Concerto: Miss Lava (concerto de lançamento do novo álbum)..

2 de Novembro: 

- Filme - "Das Kabinett Des Doktor Caligari", de Robert Wiene. - 21h30m
- Banda - "Crossed Fire" (a partir das 23h)
- Banda-  "Shadowsphere".

- Banda - "We Are the Damned".

3 de Novembro:

- Filme - "City of the Living Dead", de Lucio Fulci - 18h:30.
- Filme - "Killer Condom", de Martin Waltz - 20h:00

- Filme - "Black Sheep", de Jonathan King - 21h50
- Banda- Capitão Fantasma.
- Banda - Dead Combo.


Numa entrevista ao Rick´s Cinema, Bruno Simões, um dos organizadores do festival revelou que os objectivos da organização passam por "consolidar este festival como um festival de referência a nível nacional dentro do seu género. As principais novidades são essencialmente um programa mais cuidado e equilibrado durante os 4 dias do festival. O ano passado o festival centrou-se muito no concerto de Moonspell, que decorreu no último dos 3 dias, enquanto que este ano temos diversos pontos fortes ao longo de todo o festival". Simões salientou ainda que pretendem "verdadeiramente marcar a diferença nessa área, convidando sempre diversos artistas de diversas áreas para estarem presentes no evento. Outro objectivo é melhorar a oferta nesta área na cidade de Almada, que consideramos ser muito reduzida. Queremos colocar esta cidade na rota de todos os portugueses que procuram um bom evento".


Voltamos a recordar que o "Phantasticus!II Festival Internacional de Artes e Cinema" decorre entre os dias 31 de Outubro a 3 de Novembro, no Cine Incrível, em Almada. Um evento a não perder. Artigo desenvolvido em colaboração com a Take Cinema Magazine: https://www.facebook.com/take.com.pt

Jennifer Carpenter, Peter Sarsgaard, Kurt Russell e Richard Jenkins no elenco de "Bone Tomahawk"

Estreante nas lides da realização cinematográfica, S. Craig Zahler está a conseguir reunir um elenco bem interessante para "Bone Tomahawk", um filme que mescla terror com elementos de western.  Segundo a Variety, Kurt Russell ("The Thing"), Peter Sarsgaard ("Green Lantern"), Richard Jenkins ("The Cabin in the Woods") e Jennifer Carpenter ("Dexter") vão integrar o elenco do filme.

O enredo de "Bone Tomahawk" centra-se num xerife (Russell), um pistoleiro, um idoso confuso (Jenkins) e um cowboy (Sarsgaard), enquanto procuram salvar um grupo de prisioneiros (no qual está Carpenter) de um bando de trogloditas canibais.

O argumento do filme está a cargo de S.Craig Zahler ("The Incident"). As filmagens devem começar durante a primavera de 2013. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Zac Effron e Dennis Quaid no cartaz de "At Any Price"

O IMP Awards divulgo um cartaz de "At Any Price", o novo filme do realizador Ramin Bahrani. A arte promocional centra-se nos personagens interpretados por Dennis Quaid e Zac Effron.

"At Any Price" é realizado por Ramin Bahrani ("Goodbye Solo"), através do argumento do próprio e Hallie Elizabeth Newton. O filme conta no elenco com Zac Efron, Dennis Quaid, Heather Graham, Kim Dickens, Maika Monroe, Sophie Curtis, entre outros.

Sinopse: Situado no competitivo mundo da agricultura moderna, o enredo de "At Any Price" acompanha o ambicioso Henry Whipple (Dennis Quaid), um indivíduo que pretende que o seu rebelde filho (Zac Efron) expanda o império agrícola da família. No entanto, Dean tem outros planos para a sua vida, nomeadamente, tornar-se num piloto profissional de corridas de automóveis. Quando uma investigação expõe os negócios menos claros do império da empresa desta família, Henry e Dean são empurrados para o interior de uma situação inesperada que ameaça todo o sustento da família.

"At Any Price" ainda não tem uma data de estreia definida. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Josh Duhamel junta-se a Hilary Swank e Emmy Rossum no elenco de "You're Not You"

O The Hollywood Reporter noticiou que Josh Duhamel ("Safe Haven") vai juntar-se a Emmy Rossum ("Phantom of the Opera") e Hilary Swank ("Million Dollar Baby") no elenco de "You're Not You". O filme é realizado por H George C. Wolfe ("Nights in Rodanthe"), através do argumento de Shana Fest, posteriormente revisto por Jordan Roberts.

O argumento de "You're Not You" é inspirado no livro homónimo da autoria de Michelle Wildgen e centra-se em Kate (Swank) que sofre da doença de Lou Gehrig e a sua relação com Bec (Rossum), uma jovem estudante universitária que cuida de si.

O filme ainda não tem uma data de estreia definida. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Veja o mais recente anúncio do remake de "Red Dawn"

A divulgou um novo anúncio televisivo do remake de "Red Dawn", um filme realizado por Dan Bradley. Podem ver o anúncio no final do post.

A realização do remake de "Red Dawn" ficou a cargo do estreante Dan Bradley, com base num argumento de Carl Ellsworth ("Disturbia") e Jeremy Passmore ("Special"), e no seu elenco constam Chris Hemsworth (o Thor), Adrianne Palicki (série "Friday Night Lights"), Josh Hutcherson ("The Hunger Games"), Isabel Lucas, Connor Cruise e Jefrey Dean Morgan, entre outros.

Sinopse: Uma cidade americana acorda para a visão surreal de dezenas de para-quedistas a cair dos céus. É verídico, os Estados Unidos estão a ser invadidos no seio do seu próprio território. Rapidamente, e sem aviso, os cidadãos vêm-se prisioneiros e a sua cidade sob ocupação inimiga. Determinado a ripostar, um grupo de jovens patriotas procuram refúgio nos bosques circundantes, treinando e reorganizando-se como um grupo de guerrilheiros. Inspirando-se na mascote da sua escola, tomam o nome de "The Wolverines", agrupando-se para se protegerem uns aos outros, libertar a cidade dos seus captores e retomar a sua liberdade.

Há que realçar que o filme já tinha sido filmado em 2009, mas foi suspenso pela MGM devido a problemas financeiros. Curiosamente, desde esse período até aos dias de hoje, Josh Hutcherson e Chris Hemsworth adquiriram grande notoriedade, pelo que o filme até poderá beneficiar desse atraso. Soube-se ainda, no início deste ano, que os invasores, anteriormente chineses, foram editados, por motivos óbvios, de forma a tomarem a nacionalidade norte-coreana, pelo que os cidadãos norte-americanos terão que se haver com os discípulos do querido líder.

"Red Dawn" estreia no dia 21 de Novembro de 2012, nas salas de cinema norte-americanas. "Red Dawn" estreia em Portugal no dia 6 de Dezembro de 2012, com o título "Amanhecer Violento". Pode seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema


Gerard Butler é Nikolai Trusevich em "Dynamo"

De acordo com o Deadline, Gerard Butler ("Chasing Mavericks") vai protagonizar "Dynamo", um filme inspirado no livro "Dynamo: Defending The Honour Of Kiev" de Andy Dougan. O argumento da obra cinematográfica está a cargo de Eli Richbourg.

O enredo de "Dynamo" é baseado em factos reais e acompanha um jogo de futebol entre uma equipa formada maioritariamente por ex-jogadores do Dinamo de Kiev contra uma equipa formada por Nazis, que mantinham os primeiros em cativeiro. Para estabelecerem a superioridade Ariana, os Nazis decidiram formar uma equipa bastante forte para enfrentar a equipa ucraniana, num jogo onde está muito mais em disputa do que uma vitória, a ponto de ganhar o epíteto de "The Death Match".

Gerard Butler vai dar vida ao guarda-redes Nikolai Trusevich, o líder da equipa. O filme ainda não conta com um realizador contratado. As filmagens começam em 2013.

Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Romany Malco junta-se ao elenco de "Last Vegas"

O Deadline noticiou que Romany Malco ("Think Like a Man") vai integrar o elenco da comédia "Last Vegas". Malco interpreta um porteiro chamado Lonnie.
 
O enredo de "Last Vegas" centra-se num grupo de quatro velhos amigos que reúnem-se em Las Vegas para o casamento de Billy Gerson (Michael Douglas), o solteirão do grupo, com uma mulher com metade da sua idade. Os problemas começam, quando Billy e um amigo decidem reabrir feridas antigas em relação à mulher que amaram quando eram mais jovens.

O filme é realizado por John Turteltaub ("National Treasure"), através do argumento de Dan Fogelman ("Crazy, Stupid, Love"). "Last Vegas" conta no elenco com Michael Douglas ("Liberace"), Robert De Niro ("Red Lights"), Morgan Freeman ("The Dark Knight Rises"), Kevin Kline ("Darling Companion") e Mary Steenburgen ("The Help").

"Last Vegas" estreia a 20 de Dezembro de 2013, nos Estados Unidos da América. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em https://www.facebook.com/pages/Ricks-Cinema

Bunnymund em destaque no novo vídeo promocional de "Rise of the Guardians"

A DreamWorks Animation divulgou um novo featurette de "Rise of the Guardians", um filme de animação que reúne vários personagens clássicos dos contos de fadas num combate épico contra o Bicho Papão. O vídeo promocional centra-se em Bunnymund e pode ser visionado no final do post.

O enredo de "Rise of the Guardians" é inspirado na série literária "The Guardians of Childhood" de William Joyce e acompanha um grupo de vários personagens muito conhecidos das fábulas e dos contos de fada como Jack Frost, North (o Pai Natal), Bunnymund (o Coelho da Páscoa), Tooth (a Fada dos Dentes) e Sandy (Sandman). Este grupo de icónicas figuras terá que juntar forças para derrotar Pitch (o Bicho Papão), um antigo espírito que tenta afundar o Mundo nas sombras eternas.

O filme é realizado por Peter Ramsey ("Monsters vs Aliens: Mutant Pumpkins from Outer Space") e William Joyce ("The Fantastic Flying Books of Mr. Morris Lessmore"), através do guião de David Lindsay-Abaire. "Rise of the Guardians" conta com as vozes de Chris Pine, Alec Baldwin, Hugh Jackman, Isla Fisher, Jude Law, entre outros.

"Rise of the Guardians" estreia em Portugal no dia 29 de Novembro de 2012, com o título "A Origem dos Guardiões". "Rise of the Guardians" estreia no dia 21 de Novembro de 2012, nas salas de Cinema Norte-Americanas.  "A Origem dos Guardiões" estreia no Brasil, no dia 30 de Novembro de 2012. Pode seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/pages/Ricks-Cinema


Paul Giamatti, Billy Bob Thornton e Jacki Weaver no elenco de "Reclaiming History: The Assassination of President John F. Kennedy"

A Exclusive Media (via Coming Soon) anunciou em comunicado oficial que Paul Giamatti ("Cinderella Man"), Billy Bob Thornton ("Sling Blade") e Jacki Weaver ("Animal Kingdom") assinaram contrato para protagonizarem "Parkland", um filme sobre John F. Kennedy. O filme é produzido pela Playtone de Tom Hanks e Gary Goetzman, em parceria com a Exclusive Media.

 O argumento do filme tem como base o livro "Reclaiming History: The Assassination of President John F. Kennedy", da autoria de Vincent Bugliosi. O filme será realizado pelo estreante Peter Landesman, através do argumento do próprio.

O título do filme remete para o Parkland Memorial Hospital, o local onde John Kennedy, Jack Ruby, e Lee Harvey Oswald (o assassino de John Kennedy) faleceram. O enredo do filme acompanha os caóticos acontecimentos que desenrolaram-se no Parkland Hospital, em Dallas, no dia do assassinato de John F. Kennedy.

 Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Ralph e companhia numa grande corrida no novo cartaz de "Força Ralph"

O IMP Awards divulgou mais um cartaz de "Força Ralph". O cartaz coloca o protagonista ao lado dos seus companheiros numa enorme correria. "Wreck-It Ralph" estreia em Portugal no dia 8 de Novembro de 2012, com o título "Força Ralph".

O enredo de "Wreck-It Ralph" centra-se em Ralph (John C. Reilly) um vilão dos jogos de computador que apenas quer ser tão adorado quanto o seu adversário de jogo, Fix-It Felix (Jack McBrayer). O problema é que ninguém gosta do vilão. A oportunidade surge quando Ralph descobre um jogo em primeira pessoa comandado pelo Sargento Calhoun (Jane Lynch). Ralph vê neste jogo o bilhete de entrada para a felicidade e decide invadi-lo, mas as suas boas intenções acabam por arruinar tudo ao libertar um inimigo mortal que põe em risco todos os outros jogos das arcadas. A única esperança de Ralph? A jovem problemática Vanellope von Schweetz (Sarah Silverman), uma personagem saída de um jogo de corridas de carros que decide ensinar-lhe o verdadeiro significado de heroísmo. Conseguirá Ralph tornar-se num herói antes de ser "Game Over" para todas as arcadas?

O filme é realizado por Rich Moore ("Futurama") e conta no elenco de vozes com John C. Reilly, Sarah Silverman, Jack McBrayer, Jane Lynch. "Wreck-It Ralph" estreia no dia 2 de Novembro de 2012, nas salas de  cinema norte-americanas. "Wreck-It Ralph" estreia em Portugal no dia 8 de Novembro de 2012, com o título "Força Ralph". "Detona Ralph" estreia no Brasil no dia 4 Janeiro de 2013.

Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

30 outubro 2012

Bryan Singer realiza "X-Men: Days Of Future Past"

O dia de hoje foi repleto de grandes notícias. Depois do anunciado "Star Wars Episode VII", do vídeo como o símbolo do Super-Homem em "Man of Steel", é a vez do Deadline revelar que Bryan Singer vai ser o realizador de "X-Men: Days Of Future Past". Vale a pena recordar que Singer realizou os elogiados "X-Men" e "X2".

"X-Men: Days of Future Past" será inspirado no arco "Days of Future Past", da autoria de Chris Claremont e John Byrne. O enredo desenrola-se em dois tempos alternativos, entre o tempo presente, no qual os X-Men lutam contra a Irmandade de Mutantes liderada por Mystique e num futuro alternativo, provocado pelo fracasso dos X-Men em evitar o assassinato do Senador Robert Kelly. Perante este cenário catastrófico, a Kitty Pryde do futuro transfere a sua mente para a Kitty Pryde do presente, o que permite aos X-Men evitar o momento que desencadeia a onda anti-mutante, e o assassinato do senador Robert Kelly. No entanto, o sucesso da missão é meramente aparente, pois a linha temporal diferente continua a existir.

O argumento do filme está a cargo de Simon Kinberg ("X-Men: The Last Stand"). "X-Men: Days of Future Past" estreia no dia 18 de Julho de 2014, nas salas de cinema norte-americanas.

Siga o Rick´s Cinema no Facebook em: http://www.facebook.com/pages/Ricks-Cinema

Walton Goggins e Don Johnson nas novas imagens de "Django Unchained"

O Quentin Tarantino Archives divulgou um conjunto de novas imagens de "Django Libertado", o novo filme realizado por Quentin Tarantino. Entre as várias imagens divulgadas, é de destacar a presença de Walton Goggins e Don Johnson. Podem ver as fotos no final do post.

"Django Unchained" é realizado por Quentin Tarantino, através do argumento do próprio, e conta no elenco com Leonardo DiCaprio, Jamie Foxx, Christoph Waltz, Samuel L. Jackson, Gerald McRaney, Dennis Christopher, M.C. Gainey, Don Johnson, Tom Savini, Walton Goggins, Kerry Washington, RZA, James Remar, Tom Wopat, James Russo, Todd Allen, Rex Linn, Michael Kenneth Williams, Danièle Wats e Evan Parke. 

Sinopse de "Django Unchained": Ambientado no Sul dos Estados Unidos, dois anos antes da Guerra Civil, "Django Unchained" é protagonizado pelo vencedor do Óscar, Jamie Foxx, como Django, um escravo cuja história brutal com seus antigos proprietários, coloca-o frente a frente com o caçador de recompensas alemão, Dr. King Schultz (o vencedor do Oscar, Christoph Waltz). Schultz procura pelos violentos irmãos Brittle, e Django é o único que pode levá-lo até à sua ambicionada recompensa. O pouco ortodoxo Schultz decide então comprar Django, com a promessa de liberta-lo assim que capturar os Brittle – mortos ou vivos.
O sucesso leva a que Schultz cumpra a promessa de libertar Django, embora os dois homens optem por não seguirem caminhos separados. Ao invés disso, Schultz decide caçar os criminosos mais perigosos do sul com Django ao seu lado. Enquanto aperfeiçoa as suas habilidades de caça, Django permanece concentrado no seu único objetivo: encontrar e resgatar Broomhilda (Kerry Washington), a esposa que perdeu para o tráfico de escravos há muito tempo atrás.
As buscas de Django e Schultz acabam por leva-los até Calvin Candie (Leonardo DiCaprio), o proprietário de “Candyland”, uma infame propriedade agrícola em que os escravos são preparados pelo treinador Ace Woody (Kurt Russell) para lutarem entre si por desporto.
Ao explorarem a propriedade sob falsos pretextos, Django e Schultz acabam por despertar a desconfiança de Stephen (Samuel L. Jackson), o fiel escravo doméstico de Candie. As suas manobras são descobertas, e uma organização traiçoeira cria um cerco em redor destes. Se Django e Schultz quiserem escapar e levar Broomhilda, necessitam de escolher entre a independência e a solidariedade, entre o sacrifício e a sobrevivência…

"Django Unchained" estreia no dia 25 de Dezembro de 2012, nas salas de Cinema Norte-Americanas. "Django Unchained" estreia em Portugal no dia 24 de Janeiro de 2012, com o título "Django Libertado". "Django Unchained" estreia no Brasil no dia 18 de Janeiro de 2012, com o título "Django Livre". Pode seguir o Rick´s Cinema no Facebook em:https://www.facebook.com/pages/Ricks-Cinema


"Man of Steel" - Vídeo revela o possível visual do símbolo do herói

Visakh Vishnu, um utilizador do youtube que parece ter bons contactos junto da equipa de "Man of Steel", divulgou um vídeo que revela o visual do símbolo do herói no novo trailer. Podem ver o vídeo promocional no final do post. Importa realçar que este não é um vídeo oficial.

"Man of Steel" é realizado por Zack Snyder ("Sucker Punch"), através do argumento de David S. Goyer ("Batman Begins"). O filme conta no elenco com Henry Cavill, Amy Adams, Diane Lane, Kevin Costner, Michael Shannon, Antje Traue, Russell Crowe, Christopher Meloni, Harry Lennix, Laurence Fishburne, Ayelet Zuerer, entre outros.

Sinopse: No panteão dos super-heróis, Super-Homem é o personagem mais reconhecido e reverenciado de todos os tempos. Clark Kent / Kal-El (Henry Cavill) é um jornalista nos seus vinte e poucos anos, que sente-se um estranho devido aos poderes inimagináveis que possui. Transportado para a Terra anos atrás de Krypton, um planeta alienígena mais avançado que o nosso, Clark debate-se com a grande questão: "Por que estou aqui?" Moldado pelos valores dos seus pais adoptivos, Martha (Lane) e Jonathan Kent (Costner), Clark descobre cedo, que ter super-habilidades significa ter de tomar decisões muito difíceis. Mas quando o Mundo mais precisa de estabilidade, é atacado. Irão as suas habilidades serem usadas para manter a paz ou para dividir e conquistar? Clark deve se tornar o herói conhecido como Superman, não só para brilhar como a última esperança do mundo, mas também para proteger todos aqueles que ama.

"Man of Steel" estreia dia 14 de Junho de 2013, nas salas de Cinema Norte-Americanas. "Man of Steel" estreia em Portugal com o título "Homem de Aço" numa data ainda a confirmar. Siga o Rick´s Cinema no Facebook em: http://www.facebook.com/pages/Ricks-Cinema/


Olivia Wilde, Hailee Steinfeld e Nicole Beharie protagonizam "The Keeping Room"

O The Hollywood Reporter noticiou que Olivia Wilde ("Butter"), Nicole Beharie ("Shame") e Hailee Steinfeld ("True Grit") vão protagonizar "The Keeping Room". O filme será realizado por Daniel Barber ("Harry Brown"), através do argumento de Julia Hart.

O enredo de "The Keeping Room" desenrola-se durante a Guerra Civil e acompanha duas irmãs e uma escrava ((Wilde,Steinfeld e Beharie) que têm de defender a sua casa de um grupo de desertores do exército da União.

As filmagens de "The Keeping Room" começam em Março de 2013, na Carolina do Norte. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Walt Disney Company adquire LucasFilm. "Star Wars Episode VII" pode ser lançado em 2015.

A The Walt Disney Company anunciou em comunicado oficial um acordo para adquirir a LucasFilm. A grande notícia não é essa. No mesmo comunicado, foi anunciado que o estúdio pretende desenvolver "Star Wars Episode VII", tendo em vista o lançamento em 2015!!! Depois da compra da Pixar e da Marvel Entertainment, a Walt Disney volta a apostar forte numa aquisição de respeito.

O acordo da transacção envolve o pagamento de 4.05 biliões de dólares, uma verba avultada, que promete ser recuperada a breve prazo. George Lucas salientou que "Nos últimos trinta e cinco anos, um dos maiores prazeres que tive foi ver Star Wars a passar de geração em geração. Agora é a hora de eu passar Star Wars para uma nova geração de cineastas. Sempre achei que Star Wars viveria além de mim, e penso que é importante montar a transição enquanto eu estou vivo. O alcance da Disney vai dar à Lucasfilm (sob a liderança de Kathleen Kennedy) a oportunidade de trilhar novos caminhos no cinema, televisão, productos interativos, parques temáticos, produtos ao vivo e outros directo ao consumidor".
 
O mesmo comunicado indica que "Star Wars Episode 7" é o primeiro filme de uma nova trilogia da saga. O filme será seguido pelos episódios 8 e 9, sendo o grande objectivo do estúdio lançar um novo filme da trilogia a cada dois ou três anos”. que vão ser desenvolvidos. George Lucas permanece na Lucasfilm como consultor criativo. Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em: https://www.facebook.com/RicksCinema

Michael Madsen, Thomas Ian Nichols e companhia no elenco de "The Lost Tree"

O Coming Soon noticiou que Michael Madsen ("Reservoir Dogs"), Lacey Chabert ("Part of Five"), Scott Grimes ("Robin Hood"), Clare Kramer ("Bring It On") e Thomas Ian Nichols ("American Pie") vão integrar o elenco de "The Lost Tree". O filme será realizado por Brian A. Metcalf ("Fading of the Cries"), através do argumento do próprio.

O enredo de "The Lost Tree" centra-se em Noah (Nicholas), um homem que vive com um grande sentimento de culpa em relação à morte da mulher (Kramer). Este viaja em direcção a uma cabana isolado, tendo em vista a encontrar paz e isolamento. No entanto, este cedo vai descobrir os perigos do território que circundam a área.

Madsen interpreta John, o pai de Noah. Chabert interpreta Jenna, a melhor amiga de Noah. As filmagens estão marcadas para o próximo mês, em Los Angeles.

Podem seguir o Rick´s Cinema no Facebook em:  https://www.facebook.com/RicksCinema

Várias novas imagens de "On the Road"

O Kinopoisk divulgou um conjunto de novas imagens de "On the Road", um filme protagonizado por Kristen Stewart, Garrett Hedlund e Sam Riley. Podem ver as imagens no final do post.

O filme dirigido por Walter Salles é uma adaptação da obra literária "On the Road", da autoria de Jack Kerouac. O romance literário foi publicado originalmente em 1957, tendo despertado a atenção do público e da crítica, sendo agora adaptado ao grande ecrã, pelas mãos do cineasta brasileiro, Walter Salles. O enredo de "On the Road" centra-se em Sal Paradise (Sam Riley), um escritor que vive em Nova Jersey, que conhece Dean Moriarty (Garrett Hedlund) um ex-condenado completamente alucinado. Os dois decidem atravessar os Estados Unidos de costa a costa, numa jornada de auto-conhecimento.

O filme é realizado por Walter Salles ("Linha de Passe"), através do argumento de José Rivera, que volta a colaborar com Meirelles após "The Motorcycle Diaries". "On the Road" conta no elenco principal com grande público, tais como Garrett Hedlund, Sam Riley, Kristen Stewart, Kirsten Dunst, Amy Adams, Viggo Mortensen, Steve Buscemi, Elisabeth Moss, Tom Sturridge, Alice Braga e Terrence Howard.

"On the Road" estreia em Portugal a 20 de Dezembro de 2013, com o título "Pela Estrada Fora". "On the Road" estreia dia 15 de Junho de 2012 no Brasil, com o título "Na Estrada". Siga o Rick´s Cinema no Facebook em: http://www.facebook.com/pages/Ricks-Cinema/


Juno Temple e Riley Keough protagonizam um momento de tensão no novo clip de"Jack and Diane"

O indieWire divulgou um clip de "Jack and Diane", um filme escrito e realizado por Bradley Rust Gray ("The Exploding Girl") e protagonizado por Juno Temple, Riley Keough, Kylie Minogue (essa mesma), Dane DeHaan, Leo Fitzpatrick, Haviland Morris, entre outros.


O enredo de "Jack and Diane", acompanha as personagens do título, duas adolescentes que conhecem-se em Nova Iorque e passam a noite a beijar-se ferozmente. A encantadora inocência de Diane rapidamente começa a abrir o duro coração de Jack. No entanto, quando Jack descobre que Diane pretende partir, logo decide afastar a amada da sua vida. Incapaz de lidar com os seus novos sentimentos, Diane começa a ver as suas emoções a efectuarem violentas e incontroláveis transformações no seu corpo. Apesar destes estranhos e inseguros sentimentos, as duas raparigas procuram lutar para transformar o primeiro amor de ambas num namoro duradoiro.

"Jack and Diane" estreia no dia 2 de Novembro de 2012, nas salas de cinema norte-americanas.

Para verem o trailer, basta carregarem em mais informações.