29 maio 2012

Recortes de Imprensa: "O Amor Não Escolhe Idades" no Notícias de Lourenço Marques

"Ele tinha 50 anos de idade; Ela 17... e o amor era a única coisa que ambos tinham em comum!" Foi com esta frase de efeito que a Universal promoveu "O Amor Não Escolhe Idades" em Moçambique. Realizado por Clint Eastwood ("J.Edgar"), através do argumento de Jo Heims, o filme despertou alguma atenção junto do público presente em Moçambique, numa época algo conturbada da história do país.

"O Amor Não Escolhe Idades" ("Breezy") estreou no dia 7 de Maio de 1974, ou seja, num período muito próximo ao "25 de Abril", um período fervilhante da História Portuguesa, onde mais do que nunca a descolonização das colónias passou a ser um dos grandes temas da ordem do dia, algo visível ao ler-mos a imprensa da época. O filme estreou neste período algo conturbado, no Gil Vicente às 20h:40 e certamente terá despertado a atenção do público da época.

O enredo de "O Amor Não Escolhe Idades" centra-se em Breezy, uma adolescente hippie com um grande coração. Depois de apanhar boleia de um homem que tenta forçar uma relação sexual com a jovem, Breezy consegue escapar e esconde-se numa propriedade isolada, onde mora um divorciado de meia-idade, Frank Harmon. Frank ainda hesita em aceitar Breezy, mas acaba por apaixonar-se por esta.

Para o regresso da rubrica "Recortes de Imprensa" (anteriormente designada "Recortes de Jornais"), decidi postar o anúncio a "O Amor Não Escolhe Idades" colocado no jornal "Notícias de Lourenço Marques" do dia 7 de Maio de 1974.

Sem comentários: