28 dezembro 2011

Filme sobre António Variações a caminho do grande ecrã

Finalizado o processo judicial que opunha o realizador e argumentista João Maia à Utopia Filmes, o filme biográfico sobre António Variações parece que finalmente vai avançar.

Em entrevista à Time Out (via TVI 24), João Maia revelou que pretende começar a filmar em 2012. Maia adiantou ainda que pretende fazer um musical realista que mostre a vida de Variações e que inclua temas musicais do cantor. No entanto, este projecto está dependente de apoios do Estado, "Em breve terei novidades. Em 2012 quero concorrer a um subsídio do ICA, Instituto do Cinema e do Audiovisual, embora nesta conjuntura de crise não saiba sequer se vai haver concurso".

António Joaquim Rodrigues Ribeiro, mais conhecido por António Variações, foi um dos cantores e compositores portugueses mais influentes da década de 80, cuja curta discografia continuou influenciar a música portuguesa nas décadas posteriores ao seu precoce desaparecimento, com apenas 39 anos. Excêntrico e com um talento fora do comum, apresentou-se pela primeira vez ao grande público em 1981, no programa de televisão de Júlio Isidro, "O Passeio dos Alegres". A sua música e o seu estilo próprio e inconfundível (apareceu vestido de pijama) fizeram com que depressa alcançasse a fama.
Editou o primeiro single com os temas "Povo que Lavas no Rio" de Amália Rodrigues (a sua maior referência), e "Estou Além". De seguida, gravou o seu primeiro LP, Anjo da Guarda com dez faixas, todas de sua autoria, onde se destacaram os êxitos É p´ra Amanhã e O Corpo É que Paga. A 13 de Junho de 1984, Variações morre, provavelmente de SIDA, sendo a primeira figura pública portuguesa a falecer devido a essa nefasta doença.

Caso o projecto avance mesmo, o papel de António Variações vai ficar a cargo do actor Sérgio Praia de 34 anos, conhecido pela participação em novelas como "Saber Amar", "Dei-te Quase Tudo", "Rosa Fogo".

Sem comentários: