19 setembro 2010

Box Office de dias 17 a 19 de Setembro. The Town lidera e confirma Ben Affleck como um realizador a ter em atenção

Como é habitual, nos Domingos, ao entardecer, os sites Coming Soon e Box Office Mojo, actualizam a tabela do Box Office semanal, confirmando os sucessos de algumas produções, o fracasso de outras, e até algumas surpresas. Esta semana o primeiro lugar ficou para "The Town" que superou todas as expectativas dos analistas. O segundo filme dirigido por Ben Affleck provou nas bilheteiras a boa recepção que teve por parte da crítica, comprovando o talento de Affleck como realizador, depois da boa estreia em "Gone Baby Gone". "The Town" obteve 23,8 milhões de dólares em 2,861 salas, tendo uma média de 8,319 mil dólares por sala. Com este resultado o filme obteve mais de metade do valor do seu orçamento, que se encontra avaliado em 37 milhões de dólares.
"The Town" supera assim numa semana a bilheteira total de "Gone Baby Gone", filme muito elogiado pela crítica (e por este blogger) mas que não teve grande repercussão nas bilheteiras.

"The Town" no Blog: http://bogiecinema.blogspot.com/search?q=the+town

O segundo lugar ficou para outra estreia da semana, nomeadamente, a comédia "Easy A", protagonizada por Emma Stone ("Zombieland") e dirigida por Will Gluck. O filme obteve 18,2 milhões de dólares em 2,856 salas. Apesar de ter ficado em segundo lugar, o filme pode ser considerado um êxito de bilheteira por parte da Screen Gems, visto que na primeira semana obteve um valor superior ao dobro do orçamento, que se encontra avaliado em 8 milhões de dólares. "Easy A" confirma Emma Stone como um talento em ascensão, desta vez como protagonista.

"Easy A" no Rick´s Cinema: http://bogiecinema.blogspot.com/search?q=easy+a

O terceiro lugar do pódio ficou "Devil", o primeiro filma da Night Chronicles, companhia de produção cinematográfica liderada pelo cineasta M. Night Shyamalan ("The Last Airbender"). Apesar da boa classificação o filme não obteve as receitas esperadas pelo estúdio e pelos analistas, algo que se pode explicar devido às críticas negativas que o filme foi recebendo e ao facto do nome de Shyalaman estar ligado ao projecto. "Devil" obteve 12,5 milhões de dólares em 2,809 salas, o que perfaz uma média de 4,480 mil dólares por sala. Tendo em conta que a Universal pagou 27 milhões de dólares para poder distribuir o filme, pode-se dizer que não foi um grande negócio por parte do estúdio.

O quarto lugar ficou para "Resident Evil: Afterlife", vencedor da semana anterior, que teve uma queda de 62,1% em relação às receitas da semana anterior. O quarto filma da franquia obteve mais 10,1 milhões de dólares, o que a somar às receitas arrecadadas na semana anterior gera um total acumulado de 43,9 milhões de dólares. Este resultado leva a que se coloque em causa a possibilidade do filme igualar o seu orçamento de 60 milhões de dólares. De salientar, que "Resident Evil: Afterlife" marca o regresso de Paul W. S. Anderson à cadeira de realizador, depois de ter dirigido o primeiro filme da franquia e ter actuado como produtor e roteirista nos restantes. Numa semana fraca em termos de receitas, "Resident Evil: Afterlife" distingui-se dos restantes com uma receita de 27,7 milhões de dólares. O filme novamente protagonizado por Milla Jovovich foi exibido em 3,203 salas, obtendo uma média de 8,648 mil dólares por sala.

Podem ler mais sobre "Resident Evil: Afterlife", aqui: http://bogiecinema.blogspot.com/search?q=resident+evil

Em quinto lugar ficou outra das quatro estreias da semana, o filme de animação "Alpha and Omega",filme dirigido pela dupla Anthony Bell e Ben Gluck. O filme foi praticamente ignorado pelo público, tal como parece ter sido ignorado pela Lionsgate, que praticamente não divulgou o filme junto do grande público numa clara demonstração de falta de confiança no projecto. "Alpha and Omega" obteve 9,2 milhões de dólares em 2,625 salas. O orçamento do filme não foi revelado.

Sem comentários: