11 janeiro 2010

Reboot na franquia Spider-Man. Teremos um Peter Parker à imagem de Edward de Crepúsculo?

Após muita especulação sobre Spider-Man 4, a Sony adoptou uma medida drástica para acabar com todas as dúvidas sobre qual o caminho a dar. E esse caminho passa por um reboot aos filmes anteriormente elaborados. Esse reboot implica que Peter Parker regresse ao ensino secundário, e à sua vida como adolescente, numa alteração que parece aproximar a franquia de Spider-Man no sucesso que é a saga de Twilight. Teremos como enfoque principal a história de amor entre Peter Parker e Gwen Stacy e a trágica morte desta? O que pensam desta opção por parte do estúdio e da Marvel?

A Columbia Pictures e a Marvel Studios anunciaram que vão avançar com o roteiro de James Vanderbilt, que é focado num Peter Parker ainda teenager, que vive problemas de adultos e tem de lidar com os seus super-poderes. Ou seja, vão avançar numa temática muito semelhante à série de animação. Este novo capítulo da saga de "Spider-Man" nos cinemas, irá ter um novo elenco e um novo realizador.

"Há uma década atrás, nós começámos esta jornada com Sam Raimi e Tobey Maguire, em que juntos fizemos três filmes que modificaram o género. Quando começámos, ninguém pensava que nós iríamos fazer história no box-office e agora nós temos a possibilidade de voltar a fazer história. O facto de Peter Parker ser representado como um jovem adulto com super-poderes permitirá tocar nas raízes do personagem e naquilo que o tornou intemporal."

Em jeito de despedida, Sam Raimi desejou boa sorte aos envolvidos, "Trabalhar nos filmes de 'Spider-Man' foram uma experiência para a vida. Enquanto estávamos a procurar uma solução para a elaboração de um quarto filme, o estúdio e a Marvel tiveram a oportunidade única de dar um novo rumo à franquia, e eu sei que irão fazer um excelente trabalho."

Segundo Michael Lynton, executivo da Sony Pictures, "'Spider-Man' será sempre uma franquia importante para o estúdio e um novo inicio na mesma está a ser encarada com muita responsabilidade e seriedade."

Com esta noticia todos os outros rumores ficaram sem efeito, ainda que com o passar do tempo a verdadeira história sobre este novo rumo da franquia poderá vir ao de cima. O que ressalta desde logo é que o Estúdio pretendia dar um rumo comercial à franquia, enquanto que o realizador pretendia dar um rumo mais pessoal, mais autoral. Entre o conflito de interesses a corda rompeu para o lado mais fraco, o realizador. Que comece a especulação sobre o novo elenco...

Podem ler mais aqui: http://www.comingsoon.net/news/movienews.php?id=62315

Sem comentários: